UFC em São Paulo tem vitória de Minotauro, Barão à beira de demissão e nocaute de Marreta; confira os resultados nos 02 cards.

Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br direto da redação.

Entre os maiores destaques, Rogério Minotauro voltou a lugar depois de quase dois anos e venceu

As quase 10 mil pessoas que foram ao Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, neste sábado, viram domínio de lutadores brasileiros no UFC. Entre os maiores destaques, Rogério Minotauro voltou a lutar depois de quase dois anos e venceu, assim como Thiago Marreta, que confirmou o favoritismo na luta principal da noite. Já Renan Barão amargou nova derrota e corre risco de demissão.

Marreta fez o evento principal contra Eryk Anders, que substituiu Jimi Manuwa, então escalado para o duelo, na última semana. O substituto até fez bom combate, mas, no terceiro round, não resistiu a uma dura sequência de golpes do brasileiro, que embalou o segundo triunfo seguido no UFC.

Também no card principal, Minotouro voltou a lutar depois de quase dois anos, desde que perdeu, no mesmo Ginásio do Ibirapuera, para Ryan Bader. Desta vez, porém, ele fez a alegria do público ao nocautear Sam Alvey no segundo round. Logo em seguida, Alex Cowboy foi outro brasileiro a vencer, atropelando Carlo Pedersoli em apenas 40 segundo de combate em São Paulo.

Já a decepção foi Barão, ex-campeão dos galos, que perdeu para o estreante Andre Ewell. Depois de ter estourado o peso de sua categoria, o brasileiro chegou a ficar perto de ser nocauteado e acumulou a terceira derrota consecutiva no UFC, ficando em situação delicada na organização.

No total, o balanço brasileiro no evento foi de dez vitórias, um empate (em luta entre Marina Rodriguez e Randa Markos), duas derrotas e um duelo entre compatriotas (Elizeu Capoeira venceu o ítalo-brasileiro Luigi Vendramini). O card ainda marcou a aposentadoria de Thales Leites, que, aos 36 anos, venceu Hector Lombard em decisão unânime dos jurados.

Veja todos os resultados do UFC São Paulo:

CARD PRINCIPAL 
Thiago Marreta venceu Eryk Anders por nocaute técnico aos 5mins do terceiro round
Alex Cowboy venceu Carlo Pedersoli por nocaute a 39s do primeiro round
Rogério Minotouro venceu Sam Alvey por nocaute técnico a 1min do segundo round
Andre Ewell venceu Renan Barão por decisão dividida (29-28, 29-28, 28-29)
Randa Markos e Marina Rodriguez empataram majoritariamente (28-28, 28-29, 28-28)

CARD PRELIMINAR
Charles do Bronx finalizou Christos Giagos (mata-leão) aos 3min22s do segundo round
Francisco Massaranduba venceu Evan Dunham por nocaute aos 4min10s do segundo round
Ryan Spann venceu Luis Henrique KLB por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
Augusto Sakai venceu Chase Sherman por nocaute técnico aos 4min03s do terceiro round
Serginho Moraes finalizou Ben Saunders (katagatame) aos 4min42s do segundo round
Mayra Sheetara finalizou Gillian Robertson (armlock) aos 4min55s do primeiro round
Thales Leites venceu Hector Lombard por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Elizeu Capoeira venceu Luigi Vendramini por nocaute a 1min20s do segundo round
Lívia Renata Souza finalizou Alex Chambers (guilhotina) a 1min21s do primeiro round.

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta