Brasil é ouro e quebra recorde mundial do 4x200m livre no Mundial.

Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br direto da redação.

A equipe brasileira, composta por Luiz Altamir, Fernando Scheffer, Leonardo Santos e Breno Correia, anotou o tempo de 6min46s81, mais de dois segundos abaixo da antiga marca.

Nesta sexta-feira, o Brasil mais uma vez fez história na natação. Em uma prova marcada pelo alto nível e pela emoção até os minutos finais, a equipe brasileira formada pelos nadadores Luiz Melo, Fernanrdo Scheffer, Leonardo Santos e Breno Correia venceu a prova de revezamento 4x200m livre no Mundial de piscina curta, realizado na China. Além disso, o time nacional quebrou o recorde mundial por quase três segundos, destacando o excelente resultado conquistado na competição.

Vale destacar a idade dos brasileiros que conquistaram a medalha de ouro: Breno Correia, que fechou a disputa, tem apenas 19 anos, enquanto que Leonardo Santos, o mais velho, tem 23. Por serem muito jovens e já conseguirem o histórico resultado, a equipe dá esperanças de excelentes resultados em competições futuras.

Os atletas brasileiros dominaram a prova por praticamente todo o tempo, sendo que eram “perseguidos” pelos americanos que vinham logo em seguida. No entanto, na reta final da prova, a disputa ficou entre Brasil, China e Rússia, que chegaram a ficar bem perto de vencer quando a prova mostrava menos de 200 metros para o fim.

No final, a equipe nacional conseguiu abrir uma boa vantagem dos rivais, quebrando o recorde mundial e fazendo história na competição. Logo depois, os quatro nadadores se mostraram bastante emocionados, tanto pela conquista como pela reação do público que acompanhava a prova no Mundial realizado em Hangzhou, na China.

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta