Kelly Slater ‘usou e abusou’, diz brasileiro Caio Ibelli. Entenda o fato.

Carlos Fiúza de Salvador por wsl.com

Reprodução Twitter.

Quem não ficou nada feliz com isso foi Caio Ibelli, brasileiro que fraturou o pé direito ainda durante as primeiras etapas da temporada e só foi conseguir voltar a competir em Pipeline.

A WSL (World Surf League) anunciou, nesta terça-feira, um dia após o término da temporada 2018, os nomes dos dois convidados para a disputa do próximo ano do WCT que sofreram graves lesões que os impediram de competir em algumas etapas neste ano.

São eles: John John Florence e Kelly Slater.

Quem não ficou nada feliz com isso foi Caio Ibelli, brasileiro que fraturou o pé direito ainda durante as primeiras etapas da temporada e só foi conseguir voltar a competir em Pipeline, no evento que terminou nesta segunda-feira e coroou Gabriel Medina como o novo campeão mundial.

Apesar da longa ausência, ele não teve seu lugar mantido na elite do surfe mundial e foi às redes sociais reclamar da decisão. “Sinceramente, não concordo. Kelly usou e abusou. Foi pra Fiji com 20 pés durante o evento de Keramas, ficou em 3º na piscina e não foi para França na semana seguinte. Fora que esse é o 2º ano consecutivo que ele usa essa mesma vaga. Será justo?”, questionou Ibelli.

Apesar da reclamação do brasileiro, a decisão da WSL já era bastante esperada. Isso porque Kelly Slater é 12 vezes campeão mundial e considerado o maior surfista de todos os tempos, enquanto o havaiano John John Florence é bicampeão mundial e também um dos grandes nomes do esporte.

Apesar da ausência de Caio Ibelli, o Brasil tem 11 representantes no WCT em 2019, mais do que qualquer outro país. Confira todos eles:

Top 22 do WCT-2018:

1 Gabriel Medina (BRA) 62.490
2 Julian Wilson (AUS) 57.585
3 Filipe Toledo (BRA) 51.450
4 Italo Ferreira (BRA) 43.070
5 Jordy Smith (AFS) 36.440
6 Owen Wright (AUS) 35.570
7 Conner Coffin (EUA) 32.715
8 Michel Bourez (TAI) 32.395
9 Wade Carmichael (AUS) 31.915
10 Kanoa Igarashi (JAP) 30.520
11 Kolohe Andino (EUA) 27.600
12 Mikey Wright (AUS) 27.275
13 Willian Cardoso (BRA) 27.190
14 Sebastian Zietz (HAV) 26.850
15 Michael Rodrigues (BRA) 25.215
16 Jeremy Flores (FRA) 24.520
17 Adrian Buchan (AUS) 23.945
18 Griffin Colapinto (EUA) 23.275
19 Adriano de Souza (BRA) 22.925
20 Ezekiel Lau (HAV) 22.820
21 Yago Dora (BRA) 22.725
22 Joan Duru (FRA) 21.255

Top-10 do WQS-2018:

Seth Moniz (HAV)
Ryan Callinan (AUS)
Peterson Crisanto (BRA)
Jessé Mendes (BRA)
Deivid Silva (BRA)
Ricardo Christie (NZL)
Leonardo Fioravanti (ITA)
Jadson André (BRA)
Soli Bailey (AUS)
Jack Freestone (AUS)

Convites por lesão:

Kelly Slater (EUA)
John John Florence (HAV).

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta