Minas vence Praia fora de casa e se torna único invicto na Superliga. Veja.

Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br direto da redação.

Com o resultado, o Minas passa a ser o único time invicto na competição, mas ainda não assume a liderança. A equipe de Belo Horizonte chegou aos 22 pontos, dois a menos que o Praia, que tem um jogo a mais (9 a 8).

A Superliga feminina de vôlei teve o seu primeiro jogo disputado em 2019. Na noite desta sexta-feira, em duelo que reuniu as duas equipes mais bem classificadas do torneio, o Minas Tênis Clube não se intimidou com a torcida que lotou o ginásio do Dentil/Praia Clube e venceu as atuais campeãs por 3 sets a 2, com parciais de 26/24, 17/25, 25/22, 23/25 e 15/13.

Com o resultado, o Minas passa a ser o único time invicto na competição, mas ainda não assume a liderança. A equipe de Belo Horizonte chegou aos 22 pontos, dois a menos que o Praia, que tem um jogo a mais (9 a 8).

Com jogos adiados pela quinta rodada, ambos os times voltam à quadra na próxima terça-feira. Às 19h30 (de Brasília), o Praia tentará se reabilitar diante do Sesi Vôlei Bauru fora de casa. No mesmo horário, o Minas buscará se manter embolado contra o Fluminense, no Rio de Janeiro.

A maior pontuadora da partida, válida pela décima rodada, foi a ponteira Gabi, do Minas Tênis Clube, com 22 tentos. Pelo lado do Praia Clube, Fernanda Garay foi a mais eficiente, com 21 pontos.

O Jogo – Apesar de sair na frente, o Praia Clube viu a equipe adversária sempre encostando no placar e não conseguiu abrir uma vantagem. O Minas se aproveitou dos erros das donas da casa e não demorou para virar o marcador e chegou a colocar quatro pontos de frente. O Praia passou a mostrar um certo nervosismo ao ter dificuldade de segurar os ataques do time visitante, mas não demorou para voltar ao jogo e diminuir a distância entre os times.

Na reta final do primeiro set, a liderança foi alternando diversas vezes em jogadas rápidas, com direito a erros, pontos de bloqueios e ralis, a partida ganhou em emoção. Mesmo com um set point e a torcida inflamada a favor, o Praia viu o Minas crescer no final e fechar o set com 26 a 24.

Na segunda parcial o Praia voltou com menos espaços para erros e mais agressivo. Encaixando bem as viradas de bola, o time saiu na frente mais uma vez, só que conseguiu dificultar a vida do Minas e abrir uma vantagem logo na primeira metade do set. As visitantes até esboçaram uma reação e ameaçaram a equipe de Uberlândia, mas com uma exibição importante do trio formado por Rosamaria, Fawcett e Fe Garay, o Praia não teve dificuldades de fazer 25 a 17.

Com o bloqueio funcionando, o Minas começou bem a quarta parcial e abriu 8/4. Em noite inspirada, Gabi fez a vantagem aumentar para 17/12, mas Fe Garay liderou a improvável reação do Praia, que virou o placar para forçar o quinto e último set.

O tie-break começou bastante equilibrado, com as equipes se revezando na liderança do placar. Com um bloqueio bem-sucedido de Gabi, o Minas abriu 8/6, mas cedeu o empate na parte final (13/13). No entanto, um erro de Michele Pavão deixou as visitantes a um ponto da vitória, sacramenta graças a um bloqueio triplo.

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta