O Goiás demonstra interesse por meia e inicia conversas com o Vitória; confira.

Do Zigzagdoesporte.com.br por arenarubronegra com Diogo Lima.

Foto: Tiago Caldas / Arena Rubro-Negra

Menos de um mês para a estreia do Campeonato Brasileiro Série B 2019, o Vitória continua se movimentando para reformular o elenco no restante da temporada. A equipe de Tencati ganhou dois reforços nos últimos dias, com o lateral esquerdo Capa e o volante Dudu Vieira. Porém, pode perder um importante jogador do elenco.

A reportagem do Arena Rubro-Negra apurou, de forma exclusiva, que o meia Yago pode estar de saída do rubro-negro. O Goiás, que vai disputar a Série A, está interessado no atleta e iniciou conversas com a diretoria do Vitória, para possivelmente fechar uma negociação por empréstimo até o fim de 2019.

Arena entrou em contato exclusivo com Túlio Lustosa, diretor de futebol do Goiás, que confirmou as conversas:

“Estamos conversando mas ainda não tem nada, só início das negociações. A gente não costuma dar detalhes em negociações que estão em andamento e ele tem contrato. Mas sim, estamos conversando com o Vitória.”

No início do ano, o meia chegou a receber sondagens da Chapecoense, mas as diretorias não chegaram a conversar de forma oficial sobre a negociação. Seu contrato com o rubro-negro vai até dezembro de 2020, porém o Arena apurou que o Vitória tem interesse em renovar por mais um ano como uma condição de negócio com o esmeraldino.

Yago Felipe da Costa Rocha tem 24 anos e é natural de Limoeiro do Norte-CE. Chegou ao Vitória em julho de 2017 vindo do Figueirense e já disputou 88 jogos e marcou 15 gols. Em 2019 foram 13 jogos e dois gols. Na última partida, contra o Náutico, foi autor da assistência no empate pelo Nordestão.

 

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta