Brasileiro estreia com show de carisma, joelhada voadora e nocaute em 2min; confira.

Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br direto da redação.

Logo após subir o octógono, ele, que é conhecido como Paraense Voador, mostrou muita flexibilidade ao fazer um break dance.

Michel Pereira não poderia ter tido uma estreia mais marcante no UFC. No card preliminar do evento deste sábado na Blue Cross Arena, em Rochester (Nova York), o brasileiro deu um show de carisma e ganhou de forma épica em menos de dois minutos.

Logo após subir o octógono, ele, que é conhecido como Paraense Voador, mostrou muita flexibilidade ao fazer um break dance. Antes disso, o brasileiro já havia se emocionado e chorado pela oportunidade de debutar no UFC.

Quando a luta contra Danny Roberts pelos meio-médios se iniciou, ele já impactou o público com uma joelhada voadora. Pouco segundos depois, Michel mandou um direto para nocautear o adversário com 1m47 de combate.

O show do brasileiro foi completo com uma dancinha já do lado de fora do octógono.

Vídeo incorporado

ESPN MMA

@espnmma

This is Michel Pereira BEFORE the fight even started

234 pessoas estão falando sobre isso

Conheça

Paraense de Tucumã, Michel, 25, começou aos 12 anos no karatê, depois passou para o jiu-jitsu. A migração para o MMA foi há 13 anos. “A minha especialidade no MMA é karatê, boxe, jiu-jitsu. grappling e.. o show”, disse, na última semana, em vídeo veiculado no canal oficial do UFC no YouTube, prevendo o que viria em Rochester.

Antes de vencer em 1min47, Michel falou sobre o rival desta noite, Danny Roberts, de forma curiosa… e também com cara de “bola de cristal”. “O que eu sei dele… Sei muita pouca coisa, porque eu não sou muito fã de ficar procurando sobre o atleta… Mas sei que é um bom lutador, um cara duro, raçudo. Eu creio que a gente vai fazer uma boa luta, vai fazer um grande show, estou preparado para qualquer um. Sei que a gente vai fazer uma boa luta e vai ser um grande espetáculo para todos que assistirem ao UFC.”

Michel afirmou que é fã de uma lenda do MMA, famosa não apenas pelos resultados expressivos, mas por também ser um showman. “Minha grande referência, meu ídolo, que eu cresci vendo, é o Anderson Silva. Gosto muito do Jon Jones, gosto muito do Anthony Pettis, mas meu maior ídolo sempre foi o Anderson Silva, o estilo de luta, a forma de ele lutar, é o cara que me inspirou a ter o estilo que eu tenho hoje.”

Showman

Não é a primeira vez que Michel dá show em uma luta de MMA. Em fevereiro, em um evento chamado Road FC 52, em Seul, Coreia do Sul, o paraense mostrou todo o seu lado espetáculo ao derrotar de forma incontestável o sul-coreano Dae Sung Kim, 11kg mais pesado, em combate sem limite de peso. Usando a grande para seus saltos e abusando de mortais, Michel ainda abusou das voadoras para detonar o atleta local.

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta