Com ‘lei do ex’, Dragão bate um Bahia desnorteada na estreia de Mano; confira detalhes do confronto.

Spread the love

Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br direto da redação.

O goleiro Jean, cria dos baianos e já defendeu o São Paulo, marcou o único gol do duelo disputado no Pituaçu.

Salvador, BA (13) – O estádio Pituaçu, em Salvador (BA), foi palco de um dos principais confrontos da décima rodada do Campeonato Brasileiro. Afinal de contas, na tarde deste domingo (13), o Atlético-GOvenceu o Bahia, por 1 a 0. Isso, por si só, não garante a curiosidade do resultado.

Os detalhes é que valem a pena. O único gol foi marcado pelo arqueiro Jean, em rebote de cobrança de falta. O atleta, cabe destacar, é cria da base dos donos da casa e anotou o primeiro tento na curta carreira. Além disso, os mandantes estrearam o técnico Mano Menezes.

Com o resultado, os nordestinos ficam com apenas nove pontos e dependem de outros resultados para não entrar na zona de rebaixamento. Os centro-oestinos, por outro lado, foram aos 12 pontos e ficarão no grupo de classificação para a Copa Sul-Americana de 2020.

Mesmo atuando longe de casa, o Atlético-GO dominou as ações diante do Bahia no primeiro tempo, criando diversas oportunidades e sendo pouco ameaçado. Logo aos 13 minutos, após bola alçada, Renato Kayzer subiu mais que a marcação e desviou por cima do travessão.

Já aos 28, Nicolas soltou a bomba de longe e tirou tinta da trave direita. Pouco depois, aos 35, Janderson fez linda jogada individual dentro da área e chegou até a driblar o goleiro Douglas Friedrich. A finalização, porém, saiu fraca. Assim, Juninho afastou o perigo.

Aos 39, porém, não teve jeito. O goleiro Jean se arriscou em cobrança de falta e acertou a barreira. No rebote, pegou firme e mandou para o fundo do barbante. Aos 46, Nicolas ainda exigiu grande intervenção do arqueiro tricolor em infração da intermediária.

A etapa final retornou com o Bahia tentando pressionar a saída de bola do Atlético-GO, que não conseguia puxar bons contra-ataques. Sem um cenário positivo, Mano Menezes promoveu a entrada de Rossi e Daniel, aos 11 minutos.

Jean marcou o gol da vitória do Atlético-GO sobre o Bahia

Jean marcou o gol da vitória do Atlético-GO sobre o Bahia

E parecia que o confronto poderia tomar um novo rumo. Isso porque, logo na sequência, o ex-atacante do Vasco fez boa jogada e colocou a bola na área. João Victor, porém, apareceu para afastar o perigo da área de defesa rubro-negra.

Os donos da casa até conseguiram balançar as redes. Após cobrança de falta da intermediária esquerda de ataque, Juninho apareceu livre dentro da área e marcou. No entanto, a arbitragem assinalou, corretamente, impedimento do defensor. Marco Antônio, praticamente no ‘apagar das luzes’, criou dois bons momentos e quase deixou tudo igual para os mandantes.

A 11.ª rodada do Brasileirão foi iniciada com a vitória, por 1 a 0, do São Paulo sobre o Athletico-PR, em 26 de agosto. Terá prosseguimento na quarta-feira (16), com o Bahia indo à Neo Química Arena, em São Paulo (SP), enfrentar o Corinthians, às 21h30. Já no sábado (19), o Atlético-GO recebe o Atlético-MG, no estádio Olímpico Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia (GO), às 21h.

FICHA TÉCNICA

Bahia-BA
Bahia-BA
0 x 1
Atlético-GO
Atlético-GO

Campeonato Brasileiro – 10ª rodada

Local: Pituaçu, em Salvador

Data: 13/09/2020 (domingo)

Horário: 18h

Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral (RS)

Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi e Jose Eduardo Calza (ambos do RS)

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ), auxiliado por Antonio Dib Moraes de Sousa (PI) e Luiz Claudio Regazone (RJ).

Cartões amarelos: João Victor (Atlético-GO); Daniel (Bahia)

Cartões vermelho: Juninho (Bahia)

Gols: Jean (Atlético-GO)

Bahia: Douglas; Nino Paraíba (Edson), Ernando, Juninho e Juninho Capixaba; Ronaldo, Jadson (Daniel) e Rodriguinho (Marco Antônio); Élber, Gilberto (Saldanha) e Clayson (Rossi). Técnico: Mano Menezes.

Atlético-GO: Jean; Dudu, João Victor, Éder e Nicolas (Gilvan); Edson, Lucas Oliveira, Janderson (Everton Felipe) e Ferrareis (Hyuri); Chico (Matheus Vargas) e Renato Kayzer (Matheuzinho). Técnico: Vagner Mancini.

 

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta