Natália Gaudio conquista vaga para a Rio 2016 no Mundial de Ginástica Rítmica; confira.

Spread the love

Do Zigzagdoesporte.com.br por ESPN.com.br.

DIVULGAÇÃO

natalia gaudio mundial de gr 2015 divulgacao
Natalia Gaudio foi a brasileira mais bem colocada no Mundial disputado em Stuttgart

Natália Gaudio, da seleção brasileira individual de ginástica rítmica, conquistou vaga para os Jogos Olímpicos do Rio 2016 nesta quinta-feira. A capixaba garantiu o feito por ter sido a melhor brasileira no individual geral do 34º Campeonato Mundial de Ginástica Rítmica, que está sendo realizado na Porsche Arena, em Stuttgart, na Alemanha.

Antes mesmo do início do Mundial, o Brasil já tinha direito a uma vaga no individual e outra no conjunto por ser país-sede. O regulamento da Federação Internacional de Ginástica (FIG) determina que a vaga é da ginasta que conquistar o melhor resultado para o País no individual geral. Natália somou 46,766 pontos, enquanto a paranaense Angélica Kvieczynski ficou com 46,649 pontos.

Natália, de 22 anos, mostrou uma grande evolução em relação aos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, em julho. Treinada por Monika Queiroz, a ginasta destacou que representar o Brasil em uma edição dos Jogos Olímpicos, ainda mais em casa, é a realização de um sonho.

“Ainda não caiu a ficha. Passou um filme na minha cabeça, de tudo o que vivi para chegar até aqui desde quando comecei. Quando eu tinha oito anos e me perguntavam qual era o meu sonho, eu dizia que era participar de uma edição de Jogos Olímpicos pelo individual. Hoje, esse sonho está se realizando. Agradeço muito a Monika que acreditou em mim, porque sem ela tenho certeza de que não chegaria até aqui”, comemorou.

A brasileira obteve o feito ao som de muito samba, após apresentar a série de fita, a mais animada desta temporada, embalada pelo ‘Ibiza Dance’, da Bateria da Mocidade, que rendeu a ela a nota 15,750 (7,550 de dificuldade e 8,200 de execução).

O retrospecto da ginasta na competição a deixou muito satisfeita – a atleta já havia garantido 15,500 pontos no arco, seguido por 15,058 na bola e 15,516 nas maças. Segundo Natália, o mais importante foi ter chegado ao último dia de classificatórias mantendo o equilíbrio e a tranquilidade.

“A fita não é o aparelho que costumo tirar as notas mais altas, mas deu tudo certo e confesso que estou impressionada. Eu consegui fazer o que queria no tablado e fechei a competição com chave de ouro. Em todos os momentos, procurei me concentrar ao máximo e pensar que a competição estava apenas começando, porque sabia que não podia me desconcentrar em nenhum segundo e mantive essa concentração e o foco até a pose final”, frisou.

A competição contou também com a participação da brasileira Angélica Kvieczynski, que conquistou 16,116 pontos na fita (7,950 de dificuldade e 8,166 de execução). A rotina, bem dançante, tem como tema a música ‘Burlesque’, da Cher. Nos três primeiros dias de competição, a paranaense de 24 anos garantiu ainda 15,333 no arco, 15,200 na bola e 13,466 nas maças.

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta