Max Mosley morre aos 81 anos na Inglaterra. Ele presidiu a FIA por 16 anos. Entenda o fato!

Spread the love

Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br direto da redação.

Filho do ex-líder fascista inglês Oswald Mosley, Max Mosley presidiu a entidade máxima do automobilismo mundial por 16 anos, antes de ter sido sucedido por Jean Todt. O ex-dirigente teve a morte anunciada por Bernie Ecclestone, ex-chefão da F1, à BBC.

Presidente da FIA entre 1993 e 2009, Max Mosley morreu nesta segunda-feira (24), informam vários veículos de imprensa da Inglaterra, como os diários Guardian, The Sun e Daily Mail. O ex-dirigente tinha 81 anos e, segundo as primeiras informações, morreu em sua casa em Chelsea, bairro de Londres.

A primeira personalidade a anunciar a morte de Mosley foi Bernie Ecclestone, ex-chefão da Fórmula 1 por mais de 40 anos e amigo do ex-presidente da FIA. À BBC, Bernie falou: “É como perder uma família, é como perder um irmão. Ele fez muitas coisas boas não apenas para o automobilismo, mas também para a indústria. Ele foi muito bom em garantir que fossem construídos carros seguros”.

Max Mosley teve o anúncio da sua morte nesta segunda-feira (Foto: Reprodução)

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta