Olhar critico! Bahia x Santos

(Do Zigzagdoesporte Por Carlos Fiúza).

O treinador tricolor, o Sr. Marquinhos ontem ratificou todas suas fraquezas, erros cometidos nos últimos 03 jogos do Bahia contra o Flamengo, onde tive a nítida impressão que poderiam vencer o jogo, mas a covardia e falta de criatividade e conhecimento do seu treinador não permitiu que ocorresse, Fluminense derrota clássica por 1x 0 e apatia total ofensiva por fim derrota desastrosa contra um Santos dilacerado, destroçado, mas treinado por um estudioso, experiente e ousado trinador que foi contundente e cirúrgico ao estudar muito bem o adversário e neutralizar totalmente os poucos pontos positivos dele, Bahia.

Nas 03 partidas aqui mencionadas percebemos os mesmos erros, contra o Flamengo teve o retorno de Ronyeri, sacou Raylan que vinha muito bem, crescendo e ofereceu o lado direito ao ataque flamenguista, contra o Fluminense idem, manteve Ronyeri e o treinador tricolor carioca colocou daquele lado Wagner, Conca e o lateral Carlinhos e levaram perigo permanente a defesa tricolor baiana, ontem foi uma farra, um festival de erros do Sr. Marquinhos Santos e mais uma vez levou um banho, desta vez do estudioso Osvaldo Oliveira que deu a impressão que lia até pensamento do treinador do Bahia, pois passou grande parte da partida assistindo as reações do treinador tricolor e a cada tentativa de alteração no Bahia de imediato o santista trazia um antidoto, uma substituição santista diante da tricolor.

Voltando ao lado direito da defesa baiana, para complicar a ausência de Uelinton, o baixo rendimento de Fahel e Barbio favoreceram desta feita o tripé santista: Zeca, Arouca e o bom Lucas Lima que deitaram e rolaram por aquele lado.Que estupendo jogador esse Arouca! Tudo começava e passava por ele na equipe do Santos e o treinador tricolor nada fez para conter as armações de jogadas ali iniciadas.

Quando a estrela não brilha, quando um jogador ou outro não desequilibra, ai tem que entrar o treinador para neutralizar o adversário, fazer alterações pontuais e o treinador tricolor é bastante limitado nestes aspectos, melhor para o Santos de Osvaldo Oliveira que sabia a fundo tudo, ou o pouco que o Bahia podia desenvolver. Na partida de ontem o treinador tricolor não só manteve o equivoco no lado direito da defesa tricolor, como tratou de enfraquecer seu lado esquerdo com o “esforçado” Guilherme Santos, o resultado os senhores já sabem e agora o Bahia tem 02confrontos que ganharam contornos dramáticos, pois derrotas para Chapecoense e Sport vai significar consolidação no Z-4.

About admin

O nosso site é voltado para o esporte, escrevemos e publicamos sobre 40 modalidades esportivas. A nossa meta é levar o esporte cada vez mais longe para o maior número possível de pessoas. O ZigZag do Esporte é a nossa Revista Eletrônica do Esporte, acesse, curta, comente e mande sugestões.

Comentários via Facebook:

One comment

  1. Galdino Silva

    Amigo concordo com o amigo em alguns pontos citados no texto acima, porém venho lembrar que contra o Flamengo o lateral direito do Bahia foi o Raylan e não o Ronyeri, esse voltou contra o Fluminense/RJ, com relação a apatia do ataque do Bahia, acho que essa apatia é geral, pois o time faz muito barulho e finaliza pouco e quando o faz não tem tanto êxito, apesar de vir fazendo gol em quase todos os jogos a equipe já chegou a marca de dois jogos sem estufar as redes, o problema é que o time do Bahia tinha apresentado uma melhora tática somente e dai todos em geral começaram a ver o Bahia com outros olhos, um time que só vem fazendo 1 ou 2 gols, fez três esse ano apenas uma única vez e anos passado apenas três vezes e olhe que ano passado tinha homens da camisa 9 ” Fernandão, Obina e Souza ” acho que o Bahia cria pouco, na partida do Flamengo criou mais pela fragilidade do time carioca e também por ter tomado o gol cedo, contra o Fluminense também levou o gol cedo porém só veio ter uma melhora ofensiva no segundo tempo, na partida de ontem foi mais uma vez contundente que Talisca é muito jovem para ter a responsabilidade de criação sozinho, tem de ter um outro meia de criação, e o ataque além do camisa 9 tem de por Maxi no banco pois é outro que voltou a ser o Maxi dos tempos de Flamengo, o treinador tem errado sim é normal pelo elenco que o Bahia tem, ainda mais sem peças de reposição e com tantas contusões alijando o elenco, Marquinhos Santos volta a ser criticado como no inicio do ano, depois do baiano e do bom começo de brasileiro e classificações na Copa do Brasil passou a ser conhecedor do futebol e agora volta a ser criticado com fervor por todos, nunca vi o Bahia com time candidato a colocação melhor do que da 10ª para cima, para mim o clube vai voltar a brigar pelo rebaixamento, outra coisa melhor a torcida conter o entusiasmo de achar que o Bahia vai para a Libertadores o coisa e tal, a partida de ontem foi a pior do Bahia nos últimos jogos desde as finais do baiano, foi tudo errado e o técnico mexeu mau e isso foi fator determinante na derrota de ontem.

Deixe uma resposta