16/04/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Um dia no Rio Open; confira informações quentes de última hora.

2 min read

Do Zigzagdoesporte.com.br por Carlos Machado com Agência AFP.

Após a partida, Bia lamentou as falhas nos pontos decisivos, e admitiu que sentiu a pressão emocional do momento.
Após a partida, Bia lamentou as falhas nos pontos decisivos, e admitiu que sentiu a pressão emocional do momento.

 

Rio de Janeiro, 20 Fev 2015 (AFP) – Da grande campanha de Bia Maia no torneio ao calor infernal que assolou o Rio de Janeiro, seguem os destaques desta sexta-feira no Rio Open.

O SUCESSO

A participação de Bia Maia no Rio Open-2015. A jovem paulista de 18 anos fez bonito, chegou às quartas de final do torneio, jogou de igual para igual com as melhores tenistas do mundo e mostrou ter o potencial para chegar longe no circuito WTA. Ela só perdeu para a cabeça de chave número 1 Sara Errani, com a qual fez jogo duro. Vamos ficar de olho!

O FRACASSO

Mais uma vez, o grande vilão do dia foi o calor infernal no Rio de Janeiro. Por volta das 13h, a sensação térmica na quadra central do complexo no Jockey Club chegou aos 45ºC, fazendo como vítima Bia Maia, que precisou abandonar a partida no 3º e decisivo set da partida contra Sara Errani com cãibras.

FRASES DO DIA

-“Se você considerar todos os fatores: físico, mental e golpes, o jogador de maior potencial do tênis é Novak Djokovic, mais do que (Rafa) Nadal, mais do (Roger) Federer”, declarou Nick Bollettieri, guru do tênis americano, em visita ao Rio de Janeiro para promover sua academia.

-“Olha, meu nome é Haddad Maia porque minha mãe fez a minha inscrição na WTA, já que eu era menor de idade, e ela fez questão de colocar o nome dela. Mas pode me chamar de Bia qualquer coisa… Tanto faz”, explicou a jovem tenista brasileira, ao ser perguntada se tinha preferência em como ser chamada, Bia Maia ou Bia Haddad.

NÚMEROS

10: número de quebras que Bia Maia e Sara Errani trocaram no segundo set da partida. A italiana levou a melhor na parcial e no jogo, após o abandono da brasileira por lesão (3-6, 7-6, 3-0).

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.