26/02/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Disputado por seis seleções, Januzaj escolhe Inglaterra, diz jornal

2 min read

Adnan Januzaj comemora gol marcado pelo Manchester United.

Do ZigZag do Esporte.

  • Scott Heppell / AP

    Adnan Januzaj comemora gol marcado pelo Manchester UnitedAdnan Januzaj comemora gol marcado pelo Manchester United

A seleção inglesa não entrou em campo, mas pode ter conseguido uma vitória nesta quinta-feira. Segundo o jornal “Daily Mail”, os britânicos foram escolhidos pelo meia Adnan Januzaj, do Manchester United, que é elegível para jogar por até seis países.

Januzaj, 18, começou a ser relacionado pelo Manchester United em maio deste ano. Ele estreou na Supercopa da Inglaterra, contra o Wigan, e marcou dois gols contra o Wigan na sétima rodada da Premier League.

A ascensão do garoto criou uma enorme celeuma sobre a seleção que ele defenderia. Januzaj nasceu na Bélgica, mas tem avós turcos e pais kosovares-albaneses. O meia também poderia escolher a Sérvia ou a Inglaterra.

Segundo o “Daily Mail”, Januzaj pretendia jogar pelo Kosovo. Contudo, desistiu do plano porque a seleção ainda não foi reconhecida pela Fifa.

A Bélgica chegou a cogitar uma convocação de Januzaj para as duas últimas rodadas das Eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2014. Uma troca de farpas, porém, findou as chances de o meia defender o país.

“Não dá para negociar. O garoto está disponível? Ele quer jogar? Então, tem de mostrar potencial”, declarou Marc Wilmots, técnico da Bélgica. “Nós ficamos chateados com esses comentários”, respondeu Abedin Januzaj, pai do jogador, ao “Daily Mail”.

Entre as opções restantes na lista de Januzaj (Albânia, Inglaterra, Sérvia e Turquia), de acordo com o jornal, o meia escolheu a Inglaterra. Ele depende agora apenas de uma flexibilização da legislação local.

Januzaj vive na Inglaterra desde 2011, mas as regras locais exigem ao menos cinco anos de moradia no local para um jogador ser elegível à seleção. O “Daily Mail” disse que pessoas ligadas à federação inglesa buscam meios de acelerar o processo no caso do meia.

 

Fonte: Do UOL, em São Paulo

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.