15/04/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Perto de voltar a competir, Jade bomba na web com fotos ousadas; confira.

3 min read

Fábio Aleixo Do UOL, em São Paulo.

Jade Barbosa e suas fotos ousadas

9 / 23

Decotes ousados de Jade Barbosa fazem sucesso no Instagram oficial da ginasta brasileira medalha de ouro no Pan-americano de 2007 Reprodução/Instagram

Os últimos meses foram diferentes para Jade Barbosa. Afastada das competições desde agosto do ano passado por causa de uma grave lesão no joelho esquerdo sofrida durante o Campeonato Brasileiro, a ginasta de 23 anos tornou-se presença frequente nas redes sociais, chamou a atenção por suas aparições em fotos ousadas e arrancou suspiro dos fãs.  Tornou-se um sucesso na web e já acumula mais de 130 mil seguidores em seu perfil no Instagram.

Mas depois de um longo tempo sem competir, a rotina da ginasta está perto de mudar. Jade está em fase final de recuperação da cirurgia à qual foi submetida e já foi liberada pelos médicos para retomar praticamente todos os tipos de exercícios nos treinos.

Entretanto, a data para sua volta ainda é incerta. Pode acontecer ainda neste mês em uma competição por equipes na cidade de Gent, na Bélgica, em junho no Campeonato-Sul-americano de Cali (COL), ou apenas nos Jogos Pan-Americanos de Toronto (CAN), em julho. A Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) ainda não definiu a formação da seleção para estes eventos.

“Passei por uma avaliação e estou 95% recuperada, liberada pelos médicos para fazer tudo. Não tenho mais nenhum tipo de dor. Agora minha cabeça está focada na volta às competições, porque atleta gosta mesmo é de competir. Por isso minha ansiedade só aumenta”, disse Jade, que por conta da cirurgia ficou fora do Mundial do ano passado.

Apesar do longo tempo longe dos torneios e se dedicando só aos treinos, Jade segue em excelente forma física e faz questão de mostrar isso por meio de fotos de biquíni no Instagram. Em praticamente todas as postagens, recebeu cantadas de diversos fãs, mas nada que a incomode.

“Todo mundo gosta de receber carinho e elogios. Na internet, você está exposto e eu tenho consciência disso. Vejo muitas coisas legais ali e não me incomoda em nada. Só não gosto quando passam do limite”, disse Jade.

No último fim de semana, a ginasta pôde sentir um pouco mais do carinho do público durante a disputa da etapa de São Paulo da Copa do Mundo. Ela foi muito assediada e requisitada para fotos. Mas não escondeu a frustração por não poder estar em ação ao lado das colegas de seleção.

“Deu uma dorzinha no coração não poder estar ali”, reconheceu a ginasta, cuja última grande competição no país foi os Jogos Pan-Americanos de 2007, no Rio de Janeiro.

Jade lamentou também estar fora de ação nos primeiros meses de uma temporada tão importante, que terá como ponto alto o Mundial de Glasgow (ESC), em outubro. A competição valerá classificação para os Jogos Olímpicos de 2016.

“Claro que é ruim perder estes primeiros meses da temporada. Mas no ano passado, antes da lesão, eu comecei a aumentar a dificuldade das minhas séries e isso me deixa confiante para conseguir bons resultados nesta volta e até sonhar com uma medalha no Pan. Além disso, não fiquei totalmente parada desde a cirurgia.

Fortaleci toda a parte de cima do corpo. Quero chegar bem ao Mundial”, afirmou.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.