19/05/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

‘Goleiraço’, ‘incrível’, ‘de outro planeta’… Imprensa e até jogador da Católica reverenciam Ceni

2 min read

Do ZigZag do Esporte.

São Paulo/Rogério Ceni.

Reprodução

'El Mercurio' destacou Rogério Ceni e Aloísio em sua chamada sobre o jogo
‘El Mercurio’ destacou Rogério Ceni e Aloísio em sua chamada sobre o jogo

O São Paulo foi bombardeado em Santiago na noite de quarta, mas Rogério Ceni operou milagres. Foram pelo menos sete. E a atuação de gala fez o goleiro de 40 anos e nove meses ser reverenciado tanto pela imprensa chilena quanto por jogador da Universidad Católica.

“Ceni seguiu demonstrando que aos 40 anos segue sendo um goleiraço”, escreveu o “La Nacion”, resumindo as superdefesas do arqueiro tricolor, principalmente as feitas aos 8, 35 e 43 minutos do primeiro tempo e também aos 5, 24, 27 e 34 minutos da etapa final.

Reprodução

Portal 'Emol' chamou de 'incrível' e 'espetacular' a atuação de Ceni
Portal ‘Emol’ chamou de ‘incrível’ e ‘espetacular’ a atuação de Ceni

“Uma jornada brilhante de Rogério Ceni e Aloísio mata o sonho sul-americano da Universidad Católica”, destacou o El Mercurio”, referindo-se não só ao goleiro como também ao atacante, autor de dois gols e uma assistência.

O portal “Emol” tratou de fazer um texto apenas sobre o camisa 01. “Aos 33 segundos de jogo o goleiro Rogério Ceni iniciou uma jornada que seria espetacular”, escreveu, lembrando a primeira defesa importante.

“Uma jornada incrível” e “foi aplaudido pelos torcedores da Católica” reportou ainda o mesmo site.

Até o meia chileno Milovan Mirosevic, do time local, rendeu-se a Rogércio Ceni.

Ele usou sua conta no Twitter: “Simplesmente, obrigado a todos pelo apoio. Hoje RC de outro planeta [sic]”, postou.

Reprodução

O 'La Nacion' também destacou o que Ceni falou sobre Rojas
O ‘La Nacion’ também destacou o que Ceni falou sobre Rojas

O “La Nacion” ainda destacou a fala de Ceni sobre Roberto Rojas, ex-goleiro chileno, hoje com 56 anos.

Ele treinou Rogério no São Paulo enttre 1995 e 2003 e está à espera de um transplante de fígado por conta da hepatite C que o acomete.

“Roberto trabalhou comigo por oito anos e me ensinou bastante. Dá para entender a admiração que têm por ele no Chile, pois creio que tenha sido o maior arqueiro da história de sua seleção. Fizemos um grande trabalho, ele foi meu treinador e agora está passando por um momento difícil”, disse o são-paulino.

 

Fonte: espn.com.br

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.