04/03/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Vettel sobra, vence em Cingapura e dispara na liderança

4 min read

Do ZigZag do Esporte por Carlos Muniz Fiúza

Fórmula 1 GP de Cingapura 2013.

Sebastian Vettel deu mais um passo rumo à conquista do tetracampeonato mundial. Neste domingo, o piloto da Red Bull confirmou o favoritismo e venceu o GP de Cingapura com facilidade. Pole position, o alemão já havia dominado os treinos livres e o classificatório no circuito de Marina Bay. Felipe Massa terminou a prova na sexta posição.

Esta foi a sétima vitória de Vettel na temporada, a terceira de forma consecutiva após os triunfos na Bélgica e na Itália. Ele chegou a 247 pontos no Mundial e ampliou a distância para o vice-líder Fernando Alonso. Segundo colocado na corrida deste domingo, o piloto espanhol foi a 187 pontos, em posição complicada na briga pelo título nas últimas seis provas do ano.

O pódio também teve Kimi Räikkönen na terceira posição. O piloto finlandês superou fortes dores nas costas, que o incomodaram durante todo o fim de semana, para completar a corrida. Felipe Massa, que fez uma parada nos boxes a mais do que os principais concorrentes, viu sua estratégia ser recompensada no fim da prova: ele ganhou várias posições por sua Ferrari ter pneus em condições melhores do que os rivais.

Na largada, Vettel teve trabalho para se manter na primeira posição. Pole position, o piloto da Red Bull foi ultrapassado por Rosberg, mas logo retomou a liderança. Alonso largou muito bem: o espanhol pulou da sétima para a terceira posição. Massa travou uma disputa intensa com Hamilton pela sexta posição.

Apesar da tentativa de Rosberg, Vettel não teve dificuldades para abrir uma distância confortável de 7s para o piloto da Mercedes. Enquanto a maioria dos pilotos fez sua primeira parada nos boxes entre as voltas 11 e 14, o atual tricampeão do mundo parou para trocar os pneus no 17º giro.

A surpresa ficou por conta de Paul di Resta. O piloto da Force India retardou seu primeiro pit stop e ficou em terceiro por várias voltas. O escocês segurou Alonso, que perdia cerca de um segundo por volta por não conseguir ultrapassar o rival. Melhor para Vettel e Rosberg, que dispararam na frente.

Na 25ª volta, Ricciardo bateu sua Toro Rosso e o safety car entrou na pista. Enquanto houve um corre-corre nos boxes com vários pit stops, os quatro primeiros (Vettel, Rosberg, Webber e Hamilton) preferiram não trocar os pneus. Duas voltas após a relargada, Vettel abriu mais de 5s de distância para Rosberg.

Após suas respectivas paradas nos boxes, Webber ultrapassou Rosberg. O ritmo de Vettel continuava impressionante: o líder chegou a fazer uma volta em torno de 3s mais rápida do que Alonso. O espanhol se deu bem ao acertar na estratégia de fazer apenas duas paradas nos boxes. Embora estivesse com pneus desgastados, ele manteve um ritmo suficiente para não ser incomodado.

As voltas finais foram marcadas por intensas brigas por posições, provocadas pelo desgaste dos pneus de quem parou duas vezes. Massa, com três paradas e pneus mais conservados, partiu para o ataque e ultrapassou Pérez e Button para ficar em sétimo. Com problema no câmbio, Webber também foi ultrapassado pelo brasileiro.

A próxima etapa da temporada será realizada em 6 de outubro com o GP da Coreia do Sul.

Confira a classificação final do GP de Cingapura:

1. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – 61 voltas
2. Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – a 32s6
3. Kimi Räikkönen (FIN/Lotus) – a 43s9
4. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – a 51s1
5. Lewis Hamilton (ING/Mercedes) – a 53s1
6. Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 1min03s8
7. Jenson Button (ING/McLaren) – a 1min23s3
8. Sergio Pérez (MEX/McLaren) – a 1min23s8
9. Nico Hulkenberg (ALE/Sauber) – a 1min24s2
10. Adrian Sutil (ALE/Force India) – a 1min24s6
11. Pastor Maldonado (VEN/Williams) – a 1min28s4
12. Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber) – a 1min37s8
13. Valtteri Bottas (FIN/Williams) – a 1min44s0
14. Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso) – 1min52s3
15. Mark Webber (AUS/Red Bull) – a 1 volta
16. Giedo van der Garde (HOL/Caterham) – a 1 volta
17. Max Chilton (ING/Marussia) – a 1 volta
18. Jules Bianchi (FRA/Marussia) – a 1 volta
19. Charles Pic (FRA/Caterham) – a 1 volta

Não completaram:

Paul di Resta (ESC/Force India)
Romain Grosjean (FRA/Lotus)
Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso)

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.