18/06/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Slater vence a etapa do WCT finalizada neste sábado

3 min read
kelly-slater
 O norte-americano Kelly Slater ficou com o título do  Billabong Pipe Masters, etapa do WCT finalizada neste sábado, em excelentes ondas de até 4 metros.

Na final, Slater derrotou o local John John Florence com notas 9.78 e 6.50, contra 8.50 e 7.40 do havaiano. Pela vitória, o norte-americano embolsa US$ 75 mil e soma 10 mil pontos no ranking mundial.

 

Derrotado por John John nas semifinais, Mick Fanning conquistou o título mundial pela terceira vez na carreira.

 

Entre os brasileiros, Miguel Pupo foi o único que chegou ao último dia em Pipeline. Ele começou o sábado eliminando o francês Jeremy Flores, campeão da etapa em 2010. Pupo deu um show nos cilindros e foi premiado com notas 9.77 e 5.50, contra 7.33 e 3.43 de Jeremy.

 

Porém, nas quartas-de-final, o brazuca foi superado pelo australiano Joel Parkinson, que esbanjou categoria nos canudos do Backdoor para totalizar 12.83 pontos, contra apenas 6.00 de Miguel.

 

Parko, que defendia o título do Billabong Pipe Masters, viu o sonho do bi ir embora na semifinal, diante de um inspirado Kelly Slater. O norte-americano estava na briga pelo título mundial e precisava vencer a etapa, mas torcia para que Mick Fanning não chegasse às semifinais.

 

Porém, o rival australiano conseguiu duas viradas emocionantes nos minutos finais dos dois confrontos que disputou neste sábado, estragando os planos de Slater.

 

Na quinta fase, Fanning encontrou um tubo salvador nos minutos finais e arrancou 9.50 para virar o placar contra Damien Hobgood.

 

Nas quartas, Fanning encontrou um raro tubo para o Backdoor e começou muito bem contra o compatriota Yadin Nicol, descolando 7.33. Porém, Yadin – que precisava chegar à final para garantir a classificação ao WCT – reagiu em grande estilo com dois canudos em Pipeline que renderam 9.33 e 7.57.

 

Quando tudo parecia perdido, mais uma vez Fanning ressurgiu das cinzas na última onda e pegou um tubo incrível em Pipeline. Ele precisava de 9.57 e arrancou 9.70 dos juízes.

 

Depois que garantiu o título, Fanning foi massacrado por John John Florence nas semifinais. O local havaiano deitou e rolou no quintal de casa e somou notas 9.20 e 9.10, dando-se ao luxo de descartar 8.73 e 8.27. Sem pressão alguma, Fanning não esboçou reação e saiu da água com apenas 2.93 e 2.07 nas duas melhores ondas.

 

Na outra semi, Slater deu um show ainda melhor contra Parko. O careca estava tomado e abusou das pontuações expressivas, chegando a arrancar nota 10 em uma craca cabulosa. Antes de alcançar a perfeição, ele há havia descolado 9.63 e 7.33. Não satisfeito com o 10, Slater ainda mandou um 9.57 na última onda.

 

Parko nada pôde fazer diante do show e até surfou bem, mas suas notas 7.17 e 7.67 não impediram que ficasse precisando de uma combinação no total de 19.64 pontos.

 

A final só ganhou emoção quando faltavam pouco menos de 10 minutos para o término. John John Florence veio por dentro de Pipeline e somou 8.50, mas Slater não demorou a dar a resposta e passou por dentro de uma placa cascuda, saindo numa potente baforada.

 

A nota 9.87 do norte-americano fez a batalha pegar fogo. Slater partiu para ampliar a vantagem e conseguiu 6.50 em outro tubo de backside.

 

Nos instantes finais, John John – que precisava de 7.88 – investiu em um bonito tubo no Backdoor, deixando a situação dramática no North Shore. Porém, o havaiano obteve 7.40 e o título da prova ficou mesmo com Slater.

 

Apesar da derrota, John John Florence também saiu de Pipeline com o título. Ao chegar às semifinais, ele conquistou o título da tradicional Tríplice Coroa Havaiana.

 

Confira mais informações em nossas próximas reportagens.

 

Resultado do Billabong Pipe Masters 2013

 

1 Kelly Slater (EUA)

2 John John Florence (Haw)

3 Mick Fanning (Aus)

3 Joel Parkinson (Aus)

5 Miguel Pupo (Bra)

5 Yadin Nicol (Aus)

5 Sebastian Zietz (Haw)

5 Julian Wilson (Aus)

9 Jeremy Flores (Fra)

9 Kai Otton (Aus)

9 CJ Hobgood (EUA)

9 Nat Young (EUA)

 

Fonte: Terra Esportes

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.