27/02/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

A dois décimos de Rosberg, Massa vê Williams em condições de ‘brigar’ na Malásia

2 min read

Por ESPN.com.br com agência Gazeta Press.

Getty

Felipe Massa, da Mercedes, depois do primeiro dia de treinos livres na Malásia
Felipe Massa, da Mercedes, depois do primeiro dia de treinos livres na Malásia

A Williams se destacou na pré-temporada e o finlandês Valtteri Bottas estreou de forma promissora no Grande Prêmio da Austrália, mas o brasileiro Felipe Massa já pensa em manter o desenvolvimento do carro da Williams para seguir entre as principais equipes da Fórmula 1.

“Você sempre se preocupa que outra equipe possa melhorar, enquanto você fica com o mesmo carro”, disse Massa antes do Grande Prêmio da Malásia. “Estamos mais ou menos com o mesmo carro da Austrália. Essa pista é diferente, então precisamos ver como ele se comporta”, completou.

Para evitar uma eventual perda de terreno para outras equipes durante o Mundial, Felipe Massa pede que a Williams priorize o desenvolvimento da parte aerodinâmica. Ele e o parceiro Valtteri Bottas chegaram a sentir uma falta de aderência traseira do carro na pista.

“Estamos trabalhando com 100% de empenho na fábrica para evoluir. Tenho certeza que o carro vai crescer e ficar mais equilibrado”, disse Massa, que não teve sorte na Austrália, já que acabou atingido pela Caterham do japonês Kamui Kobayashi logo no começo.

Getty

Massa foi o sexto mais rápido nos treinos livres na Malásia
Massa foi o sexto mais rápido na sexta-feira na Malásia

“O carro estava competitivo. Se não tivéssemos aquele problema na primeira curva, acho que seria possível colocar os dois carros no pódio (Bottas ficou em quinto). Também não começamos na posição certa (do grid). Em condições normais, poderíamos ter começado no top five”, disse Massa, que largou em nono após uma qualificação chuvosa.

No Grande Prêmio da Malásia, marcado para as 5 horas (de Brasília) deste domingo, o brasileiro espera conseguir um lugar entre os seis primeiros do grid de largada. No segundo treino livre, realizado na sexta-feira, o brasileiro ficou justamente no sexto posto.

“Contamos com um bom carro de qualquer maneira e podemos brigar. Talvez até Barcelona teremos resultados muito diferentes, com bastante evolução das outras equipes e também da nossa. Vamos ver o que acontece corrida a corrida”, encerrou o brasileiro.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.