22/05/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Dupla de zaga da Copa falha, e PSG sai na frente contra o Chelsea

4 min read

Por ESPN.com.br.

Não dá para dizer que o trio Felipão, Murtosa e Carlos Alberto Parreira tenha deixado o Parque dos Príncipes satisfeito com a dupla de zaga da Copa nesta quarta-feira. De um lado, Thiago Silva se precipitou em carrinho dentro da área e fez pênalti bobo. Do outro, David Luiz se atrapalhou em bola cruzada e empurrou contra as próprias redes. Eles acompanharam a vitória de 3 a 1 do PSG sobre o Chelsea, na primeira partida das quartas de final da Uefa Champions League.

O saldo só não foi pior para a comissão técnica da seleção porque outros nomes como o meia-atacante Willian, por exemplo, tiveram boa atuação. Ao todo, oito brasileiros (contando o naturalizado italiano Thiago Motta) iniciaram o duelo entre os titulares – as exceções foram o ex-são-paulino Lucas, deixado de lado após a Copa das Confederações, e o defensor Marquinhos.

No dia anterior, a delegação da CBF esteve no Camp Nou acompanhando Barcelona e Atlético de Madri, também pela Liga dos Campeões.

O argentino Lavezzi abriu o placar para os donos da casa logo aos quatro minutos, em cruzamento para a área de Matuidi, falha de John Terry e corte para o meio da defesa que parou no peito do ex-Napoli. Ele dominou bem e mandou para as redes com a perna esquerda. O empate veio ainda na etapa inicial, em tentativa de corte de Thiago Silva, que, se não atingiu em cheio o compatriota Oscar, facilitou a sua queda e a marcação do pênalti. Hazard foi para a cobrança e deslocou o goleiro Sirigu. Na volta do intervalo, após cobrança de falta, David Luiz fez contra, e Pastore aumentou.

Antes da partida, foi registrada uma briga entre os ‘ultras’ do PSG, agora banidos do estádio, e os torcedores do Chelsea. As mesmas cenas já haviam sido registradas semanas atrás, em ataque aos fãs do Bayer Leverkusen. Como somente 2.200 mil ingressos foram disponibilizados para os visitantes, boa parte da torcida inglesa ficou de fora nas ruas.

Com o resultado, o PSG pode perder por até um gol de diferença no confronto de volta, na terça-feira que vem, em Stamford Bridge, em Londres. Em caso de novo 3 a 1, o jogo vai para a prorrogação. O técnico José Mourinho terá um desfalque para a decisão: o meia Ramires está suspenso após levar cartão amarelo.

Getty

Lavezzi comemora gol do PSG contra o Chelsea na Champions
Lavezzi comemora gol do PSG contra o Chelsea na Champions

O jogo

De um lado, o time que joga com a bola. Do outro, aquele que costuma responder bem no contra-ataque. Não foram precisos mais do que quatro minutos, no entanto, para o PSG mostrar ao Chelsea não poderia se prender à sua estratégia nesta quarta-feira. Thiago Motta recebeu passe na intermediária e abriu para cruzamento de Matuidi na esquerda. Sozinho, John Terry afastou mal a bola e deixou livre para Lavezzi dominar no peito e, em bate-pronto, abrir o placar.

Os comandados de Mourinho sentiram o golpe e demoraram a reagir. Até os 15 minutos, não haviam ameaçado nem uma só vez o gol do italiano Sirigu.

A equipe londrina tinha dificuldades para tirar proveito daquela que vinha sendo apontada como a principal preocupação do PSG em campo: os avanços de Hazard para cima do lateral-direito Christophe Jallet. A primeira chegada aconteceu apenas aos 18, em subida de David Luiz e chute fraco para fácil defesa. Os ingleses insistiam na bola aérea, mas perdiam no bate-rebate.

O PSG teve excelente chance de aumentar na sequência, em excelente passe em profundidade de Ibrahimovic para Lavezzi puxar contra-ataque, vencer Cahil na corrida pelo lado esquerdo e chutar cruzado, acertando a parte de fora da rede.

Reuters

Jogadores do Chelsea comemoram gol contra o PSG
Jogadores do Chelsea comemoram gol contra o PSG

 

O Chelsea finalmente acordou aos 24 minutos. Willian conduziu a bola pelo lado direito e tocou para Oscar na entrada da área. Thiago Silva, então, tentou tirar a bola em carrinho irreconhecível e acabou acertando o seu companheiro de seleção. Na cobrança de pênalti, Hazard chutou do lado esquerdo, deslocando Sirigu.

A resposta dos franceses veio em pressão através de escanteio, mas foram os franceses que ficaram próximos de virar em mais uma participação destacada de Willian e inversão de bola para Hazard. O belga finalizou de primeira e acertou a trave dos donos da casa.

No retorno do intervalo, o PSG se recuperou do ‘branco’ do fim do primeiro tempo e iniciou pressionando. Aos seis minutos, Matuidi desceu pelo lado esquerdo e fez cruzamento na medida para Lavezzi cabecear por cima e arrancar o suspiro da torcida no Parque dos Príncipes. O time voltou à liderança do placar em nova bola na área do Chelsea, falha geral da zaga e gol contra de David Luiz em confusão.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.