15/04/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Com Cielo vencendo, primeiro dia do José Finkel tem recordes e índices conquistados; confira resultados da 1ª etapa.

3 min read

Do Zigzagdoesporte.com.br por ESPN.com.br com agência Gazeta Press.

DIVULGAÇÃO/CBDA

Cesar Cielo ficou satisfeito com o desempenho no revezamento
Cesar Cielo ficou satisfeito com o desempenho no revezamento

O Campeonato Brasileiro Absoluto – Troféu José Finkel, realizado em Guaratinguetá, finalizou seu primeiro dia de disputas com dois recordes sul-americanos femininos e oito índices para o Mundial em Piscina Curta de Doha, no Catar, disputado entre os dias 2 e 6 de dezembro. Entre os clubes, o Minas Tênis largou na frente nesta segunda-feira, seguido por Corinthians e Pinheiros.

Destaque desta segunda-feira, o campeão olímpico e mundial Cesar Cielo venceu nos 4x50m livre, ao lado de Felipe Martins, Fernando Souza da Silva e Ítalo Duarte, representando o Minas Tênis. O revezamento da equipe mineira terminou com a marca de 1min25s29. A prata ficou com o Pinheiros (1min26s09) e o bronze com o Botafogo (1min26s89).

“Ficamos a apenas um centésimo do recorde (brasileiro), mas foi legal. Estávamos esperando anunciar, não estávamos acreditando. Às vezes, uma troca melhor pode fazer a diferença, mas queríamos garantir a vitória sem nenhum imprevisto. Conseguimos manter a hegemonia. Colocamos na cabeça que este ano vamos ser o melhor revezamento do Brasil. Ganhamos o Maria Lenk, o Finkel, está tudo do jeito que estávamos imaginando nos treinos”, declarou Cielo.

Outra prova disputada foi o 100m medley, que não faz parte do José Finkel, mas foi incluída para que os atletas pudessem tentar índice (53s14) para o Mundial. Thiago Pereira, com 52s45, e Thiago Simon, com 53s07, conseguiram marca para a disputa do torneio.

No revezamento 4x50m livre feminino, as equipes do Minas Tênis e do Sesi superaram o recorde sul-americano da prova (1min40s12). O clube mineiro finalizou com a marca de 1min38s04, enquanto o Sesi terminou a prova com o tempo de 1min39s85. Apesar do feito, apenas a marca das paulistas será homologada, já que Frederike Heemskerk, nadadora do Minas, é holandesa.

Já nos 200m livre, o tempo colocou os dois revezamentos no Mundial de Doha. No feminino, Larissa Oliveira (1m56s54), Jessica Cavalheiro (1m56s79), Manuella Lyrio (1m56s99) e Julia Volkmann (1m59s11) somaram 7m48s90, contra os 7m51s33 da marca estipulada. Entre os homens João de Lucca (1m43s19 das eliminatórias), Nicolas Oliveira (1m43s74), Gustavo Godoy (1m45s39) e Federico Gabrich (1m45s55) totalizaram 6m58s55 e o objetivo a ser batido era 7m04s96.

Nas eliminatórias da manhã, Etiene Medeiros bateu o recorde sul-americano dos 100m costas, com 57s53, que pertencia a Fabíola Molina desde 2009. Nas finais, ela marcou 57s76. Guilherme Guido, que fez o tempo para o Mundial nas eliminatórias (50s50), melhorou seu tempo para as finais (50s49).

Resultados Finais – Eliminatórias 1ª etapa

200m Livre Fem – 1) Frederike Heemskerk – Minas Tênis – 1m52s46 – Recorde de Campeonato / 2) Larissa Oliveira – Pinheiros – 1m56s54 / 3) Jessica Cavalheiro – Sesi/SP – 1m56s79
200m Livre Masc – 1) João de Lucca – Pinheiros – 1m43s43 / 2) Nicolas Oliveira – Minas Tênis – 1m43s74 / 3) Gustavo Godoy – Corinthians – 1m45s39
100m Costas Fem – 1) Etiene Medeiros – Sesi/SP – 57s76 / 2) Andrea Berrino – Unisanta – 1m00s15 / 2) Natalia de Luccas – Corinthians – 1m00s15
100m Costas Masc – 1) Guilherme Guido – Pinheiros – 50s49 / 2) Henrique Machado – Pinheiros – 51s81 / 3) Fabio Santi – Pinheiros – 52s40
1500m Livre Fem – 1) Samantha Arevalo – Fluminense – 16m13s35 / 2) Bruna Primati – Sesi/SP – 16m23s35 / 3) Amada Delgado – Corinthinas – 16m33s59
Rev. 4x50m Livre Masc – 1) Minas Tênis – Felipe Martins, Cesar Cielo, Fernando da Silva e Italo Duarte – 1m25s29 / 2) Pinheiros – Bruno Fratus, Leonardo Alcover, Andre Daudt e João de Lucca – 1m26s09 / 3) Botafogo – Felipe Messias, Alan Vitória, Federico Grabich e Frederico de Castro – 1m26s89
Rev. 4x50m Livre Fem – 1) Minas Tênis – Carolina Bergamaschi, Frederike Heemmskerk, Roberta Albino e Lorrane Ferreira – 1m38s04 – Recorde de Campeonato / 2) Sesi/SP – Etiene Medeiros, Priscila de Souza, Jessica Cavalheiro e Daynara de Paula – 1m39s85 / 3) Pinheiros – Larissa Oliveria, Daniele Jesus, Luana Ribeiro e Julia Nilton – 1m40s42

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.