14/07/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Rally Dakar 2015 – 13ª e última etapa Motos: Marc Coma (KTM) conquista o pentacampeonato; confira todos campeões desde 1979 a 2015.

4 min read

O espanhol Marc Coma (KTM 450 Rally) conquistou seu quinto título no Rally Dakar. O espanhol se iguala aos franceses Cyril Neveu e Cyril Despres, ambos com cinco conquistas na categoria motos.

Klever Kolberg: Piloto, engenheiro e comentarista da ESPN.

ivulgação – Marcelo Marangni

Marc Coma (KTM 450 Rally)
Marc Coma (KTM 450 Rally)

O espanhol Marc Coma (KTM 450 Rally) conquistou seu quinto título no Rally Dakar. O espanhol se iguala aos franceses Cyril Neveu e Cyril Despres, ambos com cinco conquistas na categoria motos. Coma confirmou seu favoritismo ao terminar a 37ª edição da prova com quase 17 minutos de vantagem para o segundo colocado, o português Paulo Gonçalves (Honda CFR 450 Rally). O australiano Toby Price (KTM 450 Rally Replica) completou o pódio em sua prova de estreia.

 

Divulgação

Marc Coma (KTM 450 Rally)
Marc Coma (KTM 450 Rally)

Coma liderou a prova desde a oitava etapa. Antes, além de Gonsalves, outro piloto da equipe adversária foi seu grande adversário, o espanhol Joan Barreda. Apesar de ter vencido apenas uma das 13 etapas disputadas em 2015, Coma usou sua experiência e habilidade para estar durante todo o trajeto percorrido pela Argentina, Chile e Bolívia no pelotão de frente. Ele finalizou todos os trechos cronometrados entre os nove primeiros. Além da vitória no quinto dia, o competidor da equipe austríaca concluiu quatro estágios em segundo, dois em terceiro, um em quarto e quinto. O pentacampeão agora só tem outro francês na sua frente, Stéphane Peterhansel, que venceu seis vezes o Dakar com moto, além de outras cinco com carros.

Divulgação

Paulo Gonçalves (Honda CRF 450 Rally)
Paulo Gonçalves (Honda CRF 450 Rally)

Coincidentemente, a pior colocação do espanhol no Dakar foi justamente a que lhe deu a liderança no acumulado das motos. Até então vice-líder da prova, seis minutos atrás de Joan Barreda, Coma viu seu compatriota ter um dia terrível durante a oitava etapa, que passou pelo Salar de Uyuni, na Bolívia, e teve como destino Iquique, no Chile.

Coma também manteve o domínio da KTM na competição, este é o 14º título consecutivo da marca austríaca, a fábrica com mais vitórias na competição.

Divulgação

Toby Price (KTM 450 Rally Replica)
Toby Price (KTM 450 Rally Replica)

A 13ª e última etapa do Rally Dakar 2015 teve sua especial reduzida a 101 km por causa do mau tempo. Os eslovacos fizeram uma dobradinha. Ivan Jakes (KTM 450 Rally Replica) foi o mais rápido pela segunda vez nesta edição, 45 segundos à frente de Stefan Svitko (KTM 450 Rally Replica). Toby Price acabou em terceiro, seguido de Paulo Gonçalves e Marc Coma.

A espanhola Laia Sanz (Honda CFR 450 Rally) entrou para história da categoria ao ser a primeira mulher a completar o Rally Dakar na nona colocação do acumulado. Ela superou o feito da francesa Christine Martin, também da Honda, que em 1981 terminou o trajeto disputado entre Europa e África na 10ª posição.

Divulgação – Vinicius Branca

Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally)
Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally)

O brasileiro Jean Azevedo (Honda CFR 450 Rally)concluiu o último trecho cronometrado em 24º lugar. O piloto terminou sua 17ª participação na prova na 22ª posição da classificação geral.

Classificação da 13ª etapa Motos (extraoficial):

1º Ivan Jakes (KTM 450 Rally Replica): 52min06s
2º Stefan Svitko (KTM 450 Rally Replica): +45s
3º Toby Price (KTM 450 Rally Replica): 1min07s
4º Paulo Gonçalves (Honda CRF 450 Rally): +1min15s
5º Marc Coma (KTM 450 Rally): +3min11s

24º Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally): +16min21s

Classificação final acumulada após 13 etapas – Motos (extraoficial):

1º Marc Coma (KTM 450 Rally): 46h03min49s
2º Paulo Gonçalves (Honda CRF 450 Rally): +16min53s
3º Toby Price (KTM 450 Rally Replica): +23min14s
4º Pablo Quintanilha (KTM 450 Rally Replica): +38min38s
5º Stefan Svitko (KTM 450 Rally Replica): +44min17s

22º Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally): +6h44min13s

Veja os campeões das motos no Rally Dakar

2015: Marc Coma (ESP) – KTM 450 Rally
2014: Marc Coma (ESP) – KTM 450 Rally
2013: Cyril Despres (FRA) – KTM 450 Rally
2012: Cyril Despres (FRA) – KTM 450 Rally
2011: Marc Coma (ESP) – KTM 450 Rally
2010: Cyril Despres (FRA) – KTM 690 Rally
2009: Marc Coma (ESP) – KTM 690 Rally
2008: Cancelado
2007: Cyril Despres (FRA) – KTM 690 Rally
2006: Marc Coma (ESP) – KTM LC4 660 R
2005: Cyril Despres (FRA) – KTM LC4 660 R
2004: Nani Roma (ESP) – KTM LC4 660 R
2003: Richard Sainct (FRA) – KTM LC4 660 R
2002: Fabrizio Meoni (ITA) – KTM LC8 950R
2001: Fabrizio Meoni (ITA) – KTM LC4 660 R
2000: Richard Sainct (FRA) – BMW
1999: Richard Sainct (FRA) – BMW
1998: Stéphane Peterhansel (FRA) – Yamaha YZE850T
1997: Stéphane Peterhansel (FRA) – Yamaha YZE850T
1996: Edi Orioli (ITA) – Yamaha YZE850T
1995: Stéphane Peterhansel (FRA) – Yamaha YZE850T
1994: Edi Orioli (ITA) – Cagiva Elefant 900
1993: Stéphane Peterhansel (FRA) – Yamaha YZE850T
1992: Stéphane Peterhansel (FRA) – Yamaha YZE850T
1991: Stéphane Peterhansel (FRA) – Yamaha YZE850T
1990: Edi Orioli (ITA) – Cagiva Elefant 900
1989: Gilles Lalay (FRA) – Honda NXR750V
1988: Edi Orioli (ITA) – Honda NXR750V
1987: Cyril Neveu (FRA) – Honda NXR750V
1986: Cyril Neveu (FRA) – Honda NXR750V
1985: Gaston Rahier (BEL) – BMW GS980R
1984: Gaston Rahier (BEL) – BMW GS980R
1983: Hubert Auriol (FRA) – BMW GS980R
1982: Cyril Neveu (FRA) – Honda XL500R
1981: Hubert Auriol (FRA) – BMW GS800R
1980: Cyril Neveu (FRA) – Yamaha XT 500

1979: Cyril Neveu (FRA) – Yamaha XT 500

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.