16/06/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Ginasta se assume musa, mas diz que namorado sente ciúmes dos fãs. Veja.

2 min read

Fábio Aleixo Do UOL, em Toronto (CAN).

Natália Gaudio, atleta da seleção de ginástica rítmica.

O rótulo de musa nem sempre agrada a atletas brasileiras. Principalmente quando o fator beleza se sobrepõe aos seus feito em competições. Mas enquanto algumas querem evitar a superexposição e se desvencilharem deste status, uma ginasta brasileira não se incomoda nem um pouco em ter sua beleza exaltada.

Ela atende pelo nome de Natália Gaudio, é capixaba, tem 22 anos, e chama atenção pelos cabelos loiros, o porte físico e o belo sorriso.
“Eu não me incomodo nem um pouco que digam que sou musa. Na ginástica rítima você tem de agradar aos árbitros e a beleza é uma questão que conta muito. Precisamos estar sempre lindas, como verdadeiras princesas. É legal ter este título de musa. Até ajuda a divulgar mais o esporte”, afirmou a bela atleta, que compete nesta segunda-feira nas finais de fita e bola, a partir das 11h (de Brasília) em busca de sua primeira medalha em Pans.
Natalia diz que desde o início do Pan já ganhou mais de dois mil seguidores em seu perfil no Instagram por causa da exposição que teve na competição.
Apesar de não receber comentários ofensivos ou de mau gosto, o namorado Luis Felipe acaba se incomodando com algumas cantadas e elogios que ela recebe.
“Não existem comentários de mau gosto, todos são muito respeitos. Mas ele acaba ficando com ciúme. Antes mesmo do Pan saíram algumas reportagens que me colocaram como musa e ele não gosta muito”, disse Natalia, que namora há três anos.
Neste Pan, ela já participou de duas finais e ficou perto de conseguir o bronze na prova do arco. Acabou na quarta posição, atrás da compatriota Angélica Kvieczynski.
E será com Angélica que Natalia dispuatrá uma vaga na Olimpíada de 2016 no Mundial. A classificação se dará no Mundial de Stuttgart (ALE), em setembro.
Por ser o país-sede, o Brasil já tem uma vaga garantida que irá a atleta que obtiver o melhor desempenho. Um novo posto será aberto se alguma das duas se colocar entre as 24 melhores na classificação geral.
“Nós não treinamos juntas e nos falamos mais nas competições e somos amigas de profissão. Mas existe a rivalidade pela competição”, disse Natalia.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.