16/06/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Hamilton domina treinos e Red Bull surpreende na Hungria; Massa é décimo.

4 min read

Do Zigzagdoesporte.com.br por UOL, em São Paulo.

Treinos livres para o GP da Hungria – Sexta-feira (24/7)

Sergio Perez, da Force India, capotou na pista húngara após um problema na suspensão Leia mais Reprodução/Twitter

Nem o forte calor de Budapeste atrapalhou Lewis Hamilton. O líder do campeonato dominou os dois primeiros treinos livres para o GP da Hungria, colocando 351 milésimos no rival mais próximo. Quem surpreendeu foram as Red Bull, que se colocaram em segundo, com Daniil Kvyat, e em terceiro, com Daniel Ricciardo, e superaram a outra Mercedes, de Nico Rosberg. Entre os brasileiros, Felipe Massa foi o décimo e Felipe Nasr, o 14º.

Mas o treino não foi todo positivo para os tetracampeões mundiais entre 2010 e 2013: nos minutos finais, Ricciardo causou uma bandeira vermelha ao ter um motor estourado. O australiano é um dos que já estourou o limite de quatro motores na temporada. Assim, o piloto deve ser punido na classificação.

Após sofrer um acidente impressionante na primeira sessão, chegando a capotar, Sergio Perez não teve seu carro reconstruído a tempo e o mexicano ficou de fora do segundo treino. Como a batida foi causada por uma quebra de suspensão, seu companheiro, Nico Hulkenberg, também ficou de fora da sessão por precaução. Porém, como a equipe tem peças de reposição, acredita que sua participação no restante do final de semana não está ameaçada.

O treino foi marcado pelo forte calor em Budapeste, com 31ºC de temperatura ambiente e 54ºC na pista. Na quinta-feira, a temperatura do asfalto chegou aos 59ºC, maior medição dos últimos dois anos.

O calor trouxe dificuldades para os pilotos, que reclamaram do asfalto escorregadio. Com isso, após dar suas primeiras nove voltas no pneu médio – o mais duro disponibilizado neste final de semana – Lewis Hamilton já reclamava da alta degradação.

Mesmo com o desgaste, Hamilton liderou a primeira parte do treino, quando todos os pilotos usavam os pneus médios. Quem surpreendeu foi Daniel Ricciardo, colocando a Red Bull em segundo e dividindo as Mercedes, com Nico Rosberg em terceiro. Daniil Kvyat comprovou a boa forma da Red Bull na Hungria, pista em que as deficiências do motor Renault contam menos, e era o quarto com pneus médios, à frente das duas Ferrari. Já Felipe Massa não passou do 11º lugar e Felipe Nasr, , o 15º.

Hamilton voa com pneus macios

Kimi Raikkonen foi o primeiro ponteiro a fazer sua simulação de classificação, com pneus macios, e demonstrou a grande diferença entre os compostos, sendo 2s4 mais rápido do que seu melhor tempo com os médios e roubando, provisoriamente, a ponta de Hamilton.

Mas o inglês logo deu a resposta: além de retomar o primeiro posto, de quebra colocou sete décimos no próprio companheiro, Nico Rosberg. E foi 1s1 mais veloz que Raikkonen. Mostrando que a volta de Rosberg não foi boa, Kyvat e Ricciardo se colocaram entre as Mercedes. Vettel, por sua vez, errou e rodou em sua simulação.

No duelo interno das Williams, mesmo não utilizando a nova especificação de asa dianteira, Massa foi apenas 39 milésimos mais lento que o companheiro Valtteri Bottas. Porém, os dois ficaram apenas com a nona e décima colocações, atrás até de Fernando Alonso, da McLaren, que foi o oitavo. Já na Sauber, Nasr superou Ericsson por quatro décimos. Durante sua simulação de corrida, o sueco teve problemas no freio e abandonou o treino antes do fim como medida de segurança

Os pilotos ainda terão pela frente mais um treino livre, às 6h do sábado, pelo horário de Brasília. A classificação será às 9h e a corrida, também às 9h do domingo. Na tabela do campeonato, Hamilton tem 17 pontos de vantagem para Rosberg.

Confira a classificação do segundo treino livre na Hungria

1º Lewis Hamilton (ING/Mercedes) 1min23s949
2º Daniil Kvyat (RUS/Red Bull) +0.351
3º Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) +0.502
4º Nico Rosberg (ALE/Mercedes) +0.719
5º Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) +1.185
6º Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso) +1.650
7º Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) +1.711
8º Fernando Alonso (ESP/McLaren) +1.803
9º  Valtteri Bottas (FIN/Williams) +1.932
10º Felipe Massa (BRA/Williams) +1.971
11º Max Verstappen (HOL/Toro Rosso) +1.986
12º Jenson Button (ING/McLaren) +2.045
13º Pastor Maldonado (VEN/Lotus) +2.141
14º Felipe Nasr (BRA/Sauber) +2.430
15º Romain Grosjean (FRA/Lotus) +2.493
16º Marcus Ericsson (SUE/Sauber) +2.882
17º Roberto Merhi (ESP/Manor) + 5.164
18º Will Stevens (ING/Manor) +5.166

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.