18/06/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Vitória cede empate ao Bahia no 5º Ba-Vi do ano e segue sem vencer no Brasileirão. VEJA OS GOLS, MELHORES MOMENTOS E A FICHA TÉCNICA DO CONFRONTO.

5 min read

Por Carlos Fiúza de Salvador para o Zigzagdoesporte.com.br

O time rubro-negro abriram 2 a 0 no placar, com gols de Matheusinho e Wagner Leonardo, mas sofreram o empate em um intervalo de quatro minutos, com gols de Biel e Everaldo.

A terceira rodada do Campeonato Brasileiro segue a todo vapor. Neste domingo, no quinto Ba-Vi do ano, o Vitória cedeu o empate ao Bahia, em 2 a 2, no Barradão. Matheusinho e Wagner Leonardo fizeram os gols do triunfo do Rubro-Negro baiano, enquanto Biel e Everaldo deixaram tudo igual para o Tricolor de Aço.

Com o resultado, o Vitória segue sem vencer no torneio nacional. O Rubro-Negro baiano aparece na 16ª posição, com apenas um ponto conquistado, enquanto o Bahia chegou aos quatro pontos e pulou para a nona colocação na tabela.

Os dois clubes, agora, terão focos distintos. O Vitória segue de olho no Brasileirão e enfrentará o Cruzeiro na quarta rodada. A bola rola neste domingo (28), às 16 horas (de Brasília), no Mineirão.

O Bahia, por sua vez, retoma a disputa da Copa do Nordeste. Pela semifinal, os comandados de Rogério Ceni recebem o CRB. O confronto está marcado para esta quarta-feira, na Arena Fonte Nova, com horário a ser confirmado pela CBF.

O JOGO

O jogo começou muito pegado e estudado pelas duas equipes. O primeiro chute a gol foi do Bahia aos três minutos com Ademir que arrematou de fora da área e a bola passou perto da trave direita de Lucas Arcanjo.

Aos 14, o Tricolor armou boa jogada pela esquerda e bola chegou em Cauly que ajeitou para Jean Lucas. O volante finalizou fraco nas mãos de Lucas Arcanjo que não teve trabalho para encaixar e fazer a defesa.

O Vitória abriu o placar com Matheuzinho aos 20 minutos de partida. Jean Lucas perdeu a bola, Zeca descolou bom cruzamento da direita e o camisa 10 subiu para cabecear, Marcos Felipe fez grande defesa, mas ele aproveitou o rebote para colocar o Leão na frente. Vitória 1×0 Bahia

O Tricolor respondeu aos 23 minutos. Cobrança de falta de Juba e Gabriel Xavier se jogou no chão para cabecear com perigo e obrigar Lucas Arcanjo a fazer boa defesa. Mas três minutos depois, o Leão quase marcou o segundo, mas Marcos Felipe evitou. Cuesta perdeu a bola, Matheuzinho dominou e bateu forte para a defesa do goleiro do Tricolor. No rebote Léo Naldi chutou e o camisa 22 fez outra grande intervenção evitando que o placar fosse ampliado.

Aos 37 Cauly descolou um bom lançamento em profundidade para Ademir que partiu em velocidade, mas Lucas Arcanjo saiu da meta e fez o corte. Na blitz do Tricolor, Everton Ribeiro recebeu na área e bateu rasteiro, mas o goleiro do Rubro-Negro fez boa defesa aos 38. No minuto seguinte, Jean Lucas dominou, ajeitou o corpo e finalizou de fora da área, a bola desviou em Wagner Leonardo e tirou tinta da trave esquerda. Aos 42, o Esquadrão de Aço tentou pelo alto, mas Wagner Leonardo cortou de cabeça e Arcanjo ficou com a bola. No último lance da etapa inicial, Caio Alexandre arriscou de fora da área, Lucas Arcanjo fez a defesa e Ademir pegou o rebote e o goleiro do Leão operou um milagre para impedir a igualdade. Mas a arbitragem invalidou a finalização do atacante apontando impedimento e aproveitou para colocar um ponto final nos primeiros 45 minutos.

Segundo tempo

Mesmo em vantagem no placar, o Vitória voltou dos vestiários modificado. O técnico Léo Condé sacou Léo Naldi e promoveu a entrada de Mateus Gonçalves. Enquanto o treinador Rogério Ceni não mexeu no Bahia mantendo a formação da etapa inicial.

A primeira iniciativa foi do Leão e com participação de Mateus Gonçalves na jogada. Osvaldo recebeu, invadiu a área e bateu rasteiro para a defesa de Marcos Felipe. O Rubro-Negro quase ampliou com Wagner Leonardo aos três minutos. Bola levantada na área e o zagueiro cabeceou com muito perigo tirando tinta da trave esquerda dos visitantes. Aos sete, Mateus Gonçalves inverteu para Osvaldo na direita, que dominou livre e finalizou, mas Marcos Felipe fez grande defesa. Aos 10, o arqueiro do Tricolor foi exigido novamente na cobrança de falta venenosa de Lucas Esteve e fez uma ponte para mandar para fora.

Wagner Leonardo amplia para o Leão
O Vitória ampliou placar com Wagner Leonardo aos 11 minutos. Matheuzinho cobrou o escanteio fechado e o zagueiro tomou a frente de Marcos Felipe para estufar as redes. Vitória 2×0 Bahia

O Bahia diminuiu o prejuízo aos 23 minutos com Biel. Thaciano foi lançado dentro da área e tocou por cima na saída de Lucas Arcanjo, a bola bateu no travessão e o camisa 11 empurrou para o fundo das redes. Vitória 2×1 Bahia. O Tricolor quase empatou aos 25 minutos. Thaciano recebeu na direita, fez o cruzamento, Everaldo bateu para o gol e Biel tocou, mas a bola bateu na trave.

Everaldo deixa tudo igual para o Tricolor com golaço
O Bahia chegou ao empate aos 26 minutos com Everaldo. Biel ajeitou para o camisa 9 na entrada da área que soltou uma bomba para estufar as redes. Vitória 2×2 Bahia

O Tricolor ainda chegou bem duas vezes. Na primeira, Thaciano foi fominha, não tocou para Arias e acabou finalizando para fora. Depois, aos 31, Cauly bateu para o gol, mas a bola desviou em Wagner Leonardo e foi para fora.

GOLS E OS MELHORES MOMENTOS DO VI-BA:

FICHA TÉCNICA

Vitória 2×2 Bahia

Campeonato Brasileiro – 3ª rodada

Local: Barradão, em Salvador

Data: 21/04/2024 (domingo)

Horário: 16h

Árbitro: Raphael Claus

Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral 

Transmissão: TV Bahia e Premiere

Cartões amarelos: Léo Naldi, Matheuzinho, Zeca (Vitória) / Arias, Cuesta, De Pena (Bahia)

Gols: Matheuzinho, Wagner Leonardo (Vitória) / Biel, Everaldo (Bahia)

 

Vitória: Lucas Arcanjo; Zeca (Willean Lepo), Bruno Uvini, Wagner Leonardo e Lucas Esteves; Willian Oliveira, Léo Naldi (Mateus Gonçalves) e Rodrigo Andrade (Luan Santos); Matheuzinho, Osvaldo (Iury Castilho) e Alerrandro (Luiz Adriano). Técnico: Léo Condé.

 

Bahia: Marcos Felipe; Arias, Gabriel Xavier, Cuesta (Rezende) e Juba; Caio Alexandre (De Pena), Jean Lucas, Everton Ribeiro (Everaldo) e Cauly; Ademir (Biel) e Thaciano (Estupiñán). Técnico: Rogério Ceni.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.