19/04/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

BY MAÍRA PABST

Published 

ASP WORLD TOUR 2014

O brasileiro Gabriel Medina, 22 anos, foi o campeão da 1ª etapa do WCT 2014 ao derrotar de virada o australiano Joel Parkinson em boas ondas, de 3 a 5 pés, em Snapper Rock, na Gold Coast, Austrália. Se em 2013 o primeiro evento do ano não foi nada bom para os brasileiros, com Filipe Toledo, melhor colocado, eliminado ainda no 3º round, agora começamos com o pé direito. Três brasileiros estavam nas quartas de final.

[+] Enlarge PhotoASP/ CestariGabriel Medina na final histórica do WCT Pro Gold Coast na Austrália.

Na primeira o inspirado Taj Burrow venceu CJ Hobgood. Gabriel Medina derrotou o atual campeão mundial Mick Fanning de virada, para choque da torcida local, nos minutos finais. Adriano de Souza fez a maior somatória do round ao despachar Kelly Slater, pela segunda vez, pois já havia derrotado o 11 vezes campeão mundial na bateria de no losers, obrigando-o a correr a repescagem com Josh Kerr. Miguel Pupo, que durante toto o evento impressionou os juízes com seu backside elegantemente sincronizado com as ondas, perdeu para Joel Parkinson. O australiano usou seu conhecimento do pico para marcar 9 logo na primeira onda e carimbar sua passagem para as semis com ótimas manobras nos minutos derradeiros.

SEMIS
Gabriel Medina travou uma bela disputa contra Taj Burrow. No toma lá da cá, lotado de ótimas manobras de ambas as partes, o brasileiro conseguiu emendar pauladas e rasgadas no minuto final para fechar a fatura com a vantagem de apenas 0.03. Taj não acreditou.

Na bateria seguinte Joel Parkinson de um show nos tubos que só ele encontrou postando a melhor nota de todo evento logo de cara [9.97]. Adriano de Souza tentou, mas não conseguiu detê-lo, especialmente depois que Parko repetiu a dose de tubo seguido de curvas de borda com sua indelével assinatura para obter a melhor somatória de todo evento [18.70].

FINAL NO FIM DE TARDE

[+] Enlarge PhotoASP/ CestariJoel Parkinson foi batido por Gabriel Medina na final histórica do WCT Pro Gold Coast na Austrália.

O sol já se despedia quando Parko retomou seu trabalho de onde havia parado. Ele encontrou mais um ótimo tubo, atrás das pedras de Snapper e desfilou suas rasgadas com marca registrada para abrir com 9 pontos. Na sequência adicionou um 6 alto, mas o inteligente Medina não deixava que ele se distanciasse muito, pegando ondas mais no inside e preenchendo todos os espaços com suas manobras verticais e funcionais. Ao sentir a pressão Parko colocou para dentro de outra caverna. A onda fechou e partiu a prancha e um tanto de sua magia.

A contusão que o tirou do mar por algum tempo parece ter amadurecido Gabriel. Foi impressionante ver como ele optou pela eficácia no lugar do show. Gabriel foi construindo seu placar com insistência. Isso possibilitou que numa longa onda, espancada por manobras rápidas e bem executadas, faltando pouco tempo para o apito final, conseguisse a virada sobre o veterano e dono do pico ao marcar 8.50. Medina protagonizou uma vitória histórica de 16.33 X 16.27, tornando-se o primeiro brasileiro a vencer essa etapa. A única vez que um goofy venceu esse evento foi há exatos 20 anos. Talvez Medina nem saiba quem foi Richard Lowe, mas já com a taça e os US$ 100 mil nas mãos agradeceu a todos, emocionado, e disse com sinceridade: “esse é o dia mais feliz da minha vida”.

“Estou muito feliz por começar o ano com vitória. Eu trabalhei muito duro para me recuperar da contusão que tive em dezembro para poder estar aqui participando desta primeira etapa. Eu tive baterias muito difíceis hoje e o Joel (Parkinson) é um surfista fantástico. Ele começou bem a bateria, mas tentei fazer o meu melhor e quase nem acredito que consegui vencer esse campeonato”. – finaliza Medina, emocionado com a vitória inédita.

O sol já havia ido embora. Medina precisava bolar uma maneira de comemorar com os amigos. Ele disse que não havia pensado nisso, até porque não esperava vencer, mesmo tendo entrado em cada disputa determinado a fazer justamente isso. Parabéns Medina, atual líder do WCT.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.