27/02/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Patrocinador cobra explicação de cartola da CBT após acusações de ex-aliado

2 min read

José Cruz e Rafael Sampaio
Do UOL, em São Paulo.

A amizade de décadas, fortalecida pela relação de “compadres”, não evitou a ruptura entre dois importantes gestores do esporte, o presidente da CBT (Confederação Brasileira de Tênis), Jorge Rosa Lacerda, e o empresário Ricardo Marzola, da Brascourt Pisos Esportivos. Em entrevista ao UOL Esporte, Marzola levantou suspeitas sobre extratos bancários apresentados pela confederação como prestação de contas aos Correios, que podem ter sido adulterados. Principal patrocinadora da CBT, com uma parceria que rendeu R$ 7,6 milhões à confederação em 2013, a estatal disse solicitar explicações sobre o caso.

A ruptura entre Lacerda e Marzola ocorreu em agosto de 2013. “Na conversa de despedida que tivemos, na sede da confederação, em São Paulo, Jorge me confidenciou que estava sendo roubado, mas sem dizer quem fazia isso”, disse o empresário. Segundo ele, o dirigente da CBT fez um desabafo: “Até extratos bancários foram adulterados e apresentados na prestação de contas mensal aos Correios”.

Em Brasília, a direção dos Correios informou que está solicitando “explicações a respeito da declaração do senhor Ricardo Marzola”. “Os Correios não têm conhecimento de adulteração de notas fiscais. A empresa não tinha conhecimento de nenhuma denúncia nesse sentido até o recebimento desta mensagem. A empresa está solicitando à CBT explicações a respeito da declaração.”

O presidente da confederação negou ter travado diálogo com Marzola sobre o problema. “Eu não falei isso. Todo nosso contrato com os Correios é auditado”, disse Lacerda. “Nós somos obrigados a contratar uma auditoria específica para o contrato dos Correios, e até hoje não veio nenhum relatório da empresa informando que houve dado adulterado ou falso.”

Questionado pelo UOL Esporte se havia recebido uma notificação dos Correios, Lacerda disse que não. “Os Correios só enviaram para nós uma cópia do que foi respondido, que foi bem tranquilo, dizendo que não tinha nada do que ele [Marzola] estava falando”, disse. “O próprio patrocinador está vendo que isso está sendo feito para criar um fato antes da assembleia da CBT [que ocorre neste sábado, dia 29].”

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.