13/04/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Cielo vence revezamento 4x50m livre com equipe do Minas Tênis Clube

2 min read

DoZigzagdoesporte Por ESPN.com.br com agência Gazeta Press.

Getty Images

Cesar Cielo venceu o revezamento nesta segunda-feira
Cesar Cielo venceu o revezamento nesta segunda-feira

Principal estrela do Maria Lenk, iniciado em São Paulo nesta segunda-feira, César Cielo integrou a equipe do Minas Tênis Clube, que venceu o revezamento 4x50m livre. O primeiro dia de disputa do torneio foi marcado por seis índices para o Campeonato Pan-pacífico, a ser realizado na Austrália, em agosto.

Cielo abriu o revezamento do Minas com 21s71, melhorando a marca do Open de 2013 (21s92). Dono de seis títulos mundiais e três medalhas olímpicas (uma de ouro e duas de bronze), ele venceu o revezamento ao lado de Felipe Martins, Fernando Silva e Giovane Paula (1min27s57).

“Esperava fazer um tempo melhor, mas pensando bem, com esse frio até que foi bom. Para dizer a verdade, espero fazer um bom Pan-pacífico e ajudar a equipe brasileira, mas meu objetivo mesmo nessa temporada é o Mundial em Piscina Curta, no fim do ano”, disse Cielo.

Nicolas Oliveira (1min47s17 nos 200m livre), João de Luccas (1min48s30 nos 200m livre), Etiene Medeiros (1min00s77 nos 100m costas), Fabio Santi (54s32 nos 100m costas), Graciele Herman (24s76 nos 50m livre) e César Cielo (21s71 nos 50m livre) fizeram índice para o Pan-pacífico.

Em mais um resultado expressivo feito nesta segunda-feira, Graciele Herrman justificou o apelido de ‘Gracielo’. Na abertura do revezamento 4x50m livre, ela registrou 24s76 e igualou o recorde sul-americano feito pela venezuelana Arlene Semeco no Mudial de Roma-2009.

“Minha prova foi perfeita. Só dei uma respirada. Esses 24s é o primeiro de muitos. Agora é ver as filmagens e querer sempre mais. Focando passo a passo, a gente vai chegar lá. Sempre quero abrir o revezamento para dar o meu melhor. Tenho uma marca na cabeça que ainda não alcancei, mas está perto”, disse Graciele, que baixou os 25s pela primeira vez.

Em uma das principais surpresas da noite, Fábio Santi, do Pinheiros, superou Thiago Pereira, medalhista olímpico e mundial, e Guilherme Guido nos 100m costas, com o tempo de 54s32. “O desempenho pela manhã, nas eliminatórias, foi melhor, mesmo errando a saída. Na final, não consegui encaixar os movimentos”, disse Pereira.

Ao final do primeiro dia de disputa, a competição entre clubes já se mostra acirrada. O Corinthians saiu na frente com 394 pontos, seguido por Pinheiros (323) e Minas Tênis (293). O Sesi/SP é o quarto colocado (238) e o Grêmio Náutico União está em quinto (182). Nesta terça, as eliminatórias começam às 9h30 (de Brasília) e as finais, às 17 horas.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.