14/07/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Na véspera da estreia na Copa, Prandelli mostra confiança e otimismo.

2 min read

Do Zigzagdoesporte por ESPN.com.br com agência Gazeta Press.

GETTY

Cesare Prandelli, técnico da Itália, está bastante otimista
Cesare Prandelli, técnico da Itália, está bastante otimista

Na última entrevista antes da estreia da Itália na Copa do Mundo, concedida em Manaus nesta sexta-feira, o técnico Cesare Prandelli procurou transmitir confiança e otimismo. Às 19 horas (de Brasília) de sábado, a equipe tetracampeã encara a Inglaterra, na Arena da Amazônia.

“O otimismo deve existir, porque trabalhamos bem, com determinação e vontade. Fizemos tudo com precisão e não deixamos nada ao acaso. Estou otimista porque tenho a convicção de que o time sabe o que fazer para enfrentar um adversário como a Inglaterra. Se você trabalhou com seriedade, precisa encontrar essa força”, afirmou.

A fortaleza psicológica da equipe italiana tem os experientes Pirlo e Buffon como pilares. Remanescentes do título mundial conquistado pela seleção na Copa-2006, os dois veteranos são vistos como exemplos pelo treinador diante do restante do elenco.

“Ambos têm mais de 100 partidas pela seleção e, sempre que chegam, vêm com o mesmo entusiasmo da primeira vez. Eles gostam de pertencer ao grupo e vestem a camisa como um grande símbolo. É claro que o desempenho fica aos olhos de todos, mas o que fazem antes e depois dos jogos é exemplar”, elogiou.

A Itália corre risco de entrar em campo para enfrentar a Inglaterra com parte de sua confiança abalada, já que o goleiro Buffon torceu o tornozelo durante o reconhecimento do gramado desta sexta-feira. Caso o goleiro da Juventus seja vetado pelo departamento médico, Prandelli deve escalar Salvatore Sirigu.

Questionado sobre a equipe para a estreia na Copa do Mundo, o treinador fez mistério e disse ainda conservar algumas incertezas, talvez de maneira estratégica.

“É sempre bom ter dúvidas, porque os jogadores precisam estar motivados até o último momento”, desconversou.

Prandelli preferiu não entrar em detalhes quanto ao time britânico, mas teceu alguns elogios. Independentemente da presença de Buffon, o treinador espera que sua equipe justifique o ar confiante e otimista exibido por ele próprio na véspera do confronto.

“Nos preparamos para vencer e achamos que estamos à altura. Quero que minha equipe saiba se comportar em qualquer situação. Vou pedir aos atletas que fiquem no jogo durante os 90 minutos. Estou convencido de que essa possibilidade existe, mesmo contra os times mais fortes”, declarou.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.