03/03/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Eliminatórias têm susto de Ronaldo, ausência de Messi e volta de Eto’o

4 min read

Do ZigZag do Esporte.

  • AFP PHOTO / FRANCISCO LEONG

    Após susto, Cristiano Ronaldo voltou a treinar com o grupo de Portugal nesta terça-feiraApós susto, Cristiano Ronaldo voltou a treinar com o grupo de Portugal nesta terça-feira

Às vésperas do início de uma rodada decisiva das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, que será disputada no Brasil, três jogadores que atuam no setor ofensivo passaram por situações absolutamente distintas nesta terça-feira. O português Cristiano Ronaldo se recuperou de um susto, o argentino Lionel Messi foi cortado e o camaronês Samuel Eto’o desistiu da aposentadoria.

Messi sofreu lesão muscular em jogo do Barcelona contra o Almería pelo Campeonato Espanhol. No dia 29 de setembro, o time catalão anunciou que o melhor jogador do mundo ficaria longe dos gramados por duas ou três semanas. Para azar da seleção argentina, o prazo não será suficiente para que o camisa 10 retorne a tempo de disputar as rodadas finais das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014.

Nesta terça-feira, a AFA (Associação de Futebol Argentino) anunciou que o atacante Gonzalo Higuaín e o volante Javier Mascherano também desfalcarão a seleção nas duas rodadas derradeiras das Eliminatórias. O volante Fernando Gago, o lateral Cristian Ansaldi e o zagueiro Hugo Campagnaro preocupam.

A Argentina lidera as Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014 e já tem vaga assegurada no Mundial. A duas rodadas do fim, o time dirigido por Alejandro Sabella tem 29 pontos e ainda vai enfrentar Peru (11/10) e Uruguai (15/10).

A maior novidade da Argentina para esses jogos será Mauro Icardi, da Inter de Milão, convocado justamente pela brecha que os desfalques abriram. O jogador de 20 anos, que acumula passagens pelas equipes de base do Vecindario e do Barcelona, profissionalizou-se na Sampdoria e chegou a ser especulado como possível reforço da seleção italiana.

“Na Itália, todos sabem que eu sou argentino. Tenho cidadania italiana, mas isso está só no passaporte. Estou aqui pela lesão de Leo, mas torço para que ele se recupere e possamos compartilhar essa experiência de estar na seleção”, declarou Icardi.

A seleção que vai ter um grande reforço na reta final das Eliminatórias europeias, porém, é outra. Cristiano Ronaldo, que havia treinado longe do restante do elenco na segunda-feira, voltou a trabalhar normalmente nesta terça e está confirmado no time de Portugal que vai enfrentar Israel no dia 11 de outubro.

O zagueiro Pepe, outro que vinha reclamando de dores musculares, é outro que está liberado para jogar. Portugal é o segundo colocado do Grupo F das Eliminatórias europeias, e apenas o líder da chave garante vaga direta para a Copa do Mundo de 2014.

A duas rodadas do término, a liderança do grupo é da Rússia, que tem 18 pontos e jogará contra Luxemburgo (11/10) e Azerbaijão (15/10). Portugal, com 17, vai enfrentar Israel (11/10) e Luxemburgo (15/10).

“Não dependemos apenas de nós e sabemos que a Rússia tem partidas que teoricamente são mais fáceis, mas precisamos nos preocupar apenas com a nossa parte. Nunca se sabe”, disse o atacante português Hugo Almeida.

E se o retorno de Cristiano Ronaldo já é uma certeza, uma seleção africana recebeu nesta terça-feira uma oferta para ter de volta um de seus maiores craques. O camaronês Samuel Eto’o, que havia deixado a equipe de seu país, resolveu mudar de ideia.

Eto’o teve uma reunião com o secretário-geral da presidência de Camarões, Ferdinand Ngoh Ngoh, que transmitiu um pedido do presidente do país, Paul Biya, para o jogador reconsiderar.

“Se o número 1 do país deseja que eu retorne, eu devo fazer o possível e dar meu melhor para colocar Camarões na próxima Copa do Mundo”, disse Eto’o, 32, que havia anunciado em setembro o fim de sua trajetória na seleção.

Camarões de Eto’o está no playoff decisivo das Eliminatórias africanas para a Copa do Mundo. A seleção jogará contra a Tunísia, e os duelos estão marcados para 13 de outubro (na Tunísia) e 15 de novembro (em Camarões).

Ao contrário de Portugal e Camarões, que receberam boas notícias, a Alemanha acumula desfalques. Nas duas últimas rodadas das Eliminatórias, a equipe germânica não poderá escalar os meio-campistas Sven Bender e Marco Reus, do Borussia Dortmund, e o irmão gêmeo de Sven, Lars, que defende o Bayer Leverkusen.

A Alemanha lidera com folga o Grupo C das Eliminatórias europeias. O time germânico tem 22 pontos e é seguido de longe pela Suécia, que tem 17 e ocupa a segunda posição.

Os Estados Unidos, que já estão classificados para a Copa do Mundo, também terão desfalque nas rodadas finais das Eliminatórias. O time dirigido pelo alemão Jurgen Klinsmann não poderá contar com Clint Dempsey e Michael Bradley, ambos machucados.

“Agora, tudo que nós fazemos já tem como foco a Copa do Mundo de 2014. Queremos vencer os dois jogos finais das Eliminatórias porque pretendemos terminar bem o ano”, disse Klinsmann. Os Estados Unidos jogarão contra Jamaica (11/10) e Panamá (15/10) nas rodadas derradeiras da classificação da Concacaf.

 

Fonte: Do UOL, em São Paulo

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.