13/04/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Cacá Bueno reclama de bandeirada na Stock Car: ‘Acho que chamaram o Pelé’. Entenda o fato.

2 min read

Do Zigzagdoesporte.com.br por ESPN.com.br com agência Gazeta Press.

Bruno Terena/Red Bull Racing

Caca Bueno Treino Stock Car Ribeirao Preto 03/04/2015
Cacá Bueno saiu muito bravo da prova em Ribeirão Preto

A primeira corrida da rodada dupla de Ribeirão Preto da Stock Car teve um final tumultuado. Cacá Bueno cruzou a linha de chegada na primeira colocação neste domingo, mas por uma falha da fiscal de pista não recebeu a bandeirada final, mostrada apenas para o terceiro colocado, Júlio Campos.

Como não viram a bandeira quadriculada, Cacá e Marcos Gomes, então segundo colocado, ficaram em dúvida e o vencedor da corrida precisou defender sua posição. Irritado, o piloto da Red Bull esbravejou pelo rádio e, assim que a prova terminou, reclamou diretamente com a direção de prova.

Após a cerimônia de premiação em Ribeirão Preto, mais tranquilo, Cacá lembrou Pelé. No Grande Prêmio do Brasil 2002 de Fórmula 1, o ex-jogador da seleção brasileira, distraído, não deu a bandeirada ao alemão Michael Schumacher, então piloto da Ferrari.

“O rádio me dizia que tinha acabado, mas o Marquinhos ainda tentava me passar. Ele mesmo também só se deu conta de que tinha acabado quando entramos na última reta e já tinha gente andando dentro da pista. Lembrei do Pelé, que esqueceu de dar a bandeirada na Fórmula 1. Acho que convidaram o Pelé para dar a bandeirada aqui em Ribeirão”, ironizou, em entrevista ao Sportv.

O piloto da Red Bull aproveitou para pedir explicações da organização da prova. “Não sei (o que aconteceu)! A CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) tem que explicar. Falaram que era a última volta e não deram a bandeirada”, protestou.

Dono de cinco títulos na principal categoria do automobilismo brasileiro, Cacá Bueno não vencia uma corrida desde que triunfou na etapa de Brasília 2013 do campeonato. Apesar da confusão na bandeirada, o piloto da Red Bull tratou de comemorar o final do jejum.

“Em 2014, perdi duas vitórias certas e já estava há muito tempo sem ganhar. O sabor da vitória é diferente e estou feliz da vida. Terminamos o ano passado fortes e somos candidatos ao título. Não dá para negar. Como pentacampeão, tenho que pensar em vencer corridas”, encerrou.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.