04/03/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Torcida da Lusa protesta na Paulista e ameaça ir à Justiça contra “tapetão”

3 min read

Em caso de derrota no STJD, torcedores do clube prometem recorrer à Justiça comum pela permanência do clube na Série A do Campeonato Brasileiro

Cerca de 300 torcedores da Portuguesa fizeram uma manifestação na tarde deste sábado, na avenida Paulista, em São Paulo, pela permanência do clube na Série A do Campeonato Brasileiro do ano que vem. Na segunda-feira, o clube será julgado por ter escalado de forma irregular o atacante Héverton na última rodada do torneio, contra o Grêmio, domingo passado. Caso seja condenado, o clube paulista perderá quatro pontos e será rebaixado para a Série B do ano que vem. O beneficiado direto com o possível rebaixamento da Portuguesa é o Fluminense, que herdaria a vaga deixada pelo clube do Canindé.

Durante a concentração dos torcedores, no vão livre do Masp, motoristas que passavam pela avenida responderam à manifestação com buzinas. Nos ônibus, alguns torcedores também se manifestaram pelas janelas. O protesto foi acompanhado pela Polícia Militar e transcorreu sem qualquer registro de incidentes.

Veja o protesto da torcida da Portuguesa na Avenida Paulista
Veja o protesto da torcida da Portuguesa na Avenida Paulista

Entre os integrantes da organizada Leões da Fabulosa, famílias inteiras acompanharam a manifestação. Torcedores com camisas de outras equipes, como Santos, São Paulo, Palmeiras, Corinthians, Flamengo, Juventus, Paraná Clube e Audax também marcaram presença.

Leonardo Garcia, o Sardinha, é conhecido como o torcedor símbolo da equipe do Canindé. Em dia de jogo, passa o tempo hostilizando os bandeirinhas, árbitros e alguns dirigentes do clube. Neste sábado, no vão livre do Masp, não economizou impropérios para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

“Nós caímos duas vezes e subimos. Desta vez não caímos e o Fluminense quer virar a mesa. O STJD …”, disse ele.

Protesto toma conta da Avenida Paulista em frente ao Masp Foto: Bruno Santos / Terra
Protesto toma conta da Avenida Paulista em frente ao Masp
Foto: Bruno Santos / Terra

 

Ex-diretor de futebol do clube, Luís Iaúca se mostrava revoltado com o que pode estar acontecendo nos bastidores do caso. Disse ter certeza do envolvimento do advogado Osvaldo Sestário Filho no caso. “A Portuguesa não pode acusá-lo, mas eu, Luís Iaúca posso. Não há dúvidas que ele agiu de má fé com o clube. O que estão querendo fazer é uma cariocada sem precedentes”, disse.

De acordo com ele, qualquer que seja o resultado do julgamento, o clube paulista não ingressará na Justiça comum para pleitear os seus direitos. “Temos vários torcedores que já se colocaram à disposição para entrar na Justiça comum. Entre eles a minha filha. A Portuguesa não vai cair. Pode anotar”, disse ele.

Na linha de frente do protesto, um cartaz trazia o sentimento de boa parte da torcida. “Torcer para Lusa não é fácil! Não piorem as coisas.”

Torcedores da Portuguesa declaram não ser fácil acompanhar o clube rubro-verde Foto: Bruno Santos / Terra
Torcedores da Portuguesa declaram não ser fácil acompanhar o clube rubro-verde
Foto: Bruno Santos / Terra

 

Fonte: Terra Esportes

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.