16/06/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Massa diz que Williams admitiu erro, ri de ordem, mas chefão faz alerta

3 min read

Livio Oricchio Do UOL, em Sakhir (Bahrein).

Felipe Massa não poderia ter sido mais claro, nesta quinta-feira no circuito de Sakhir, em Bahrein, ao falar do ocorrido no fim do GP da Malásia, domingo. Sua equipe, a Williams, o ordenou pelo rádio para deixar o companheiro, Valtteri Bottas, ultrapassá-lo. Massa não obedeceu. “Se acontecer de novo vou agir da mesma forma. Fiz o certo.”

Claramente o ocorrido ainda na Alemanha, em 2010, deixou sequelas em Massa. Ele e Fernando Alonso eram companheiros na Ferrari. Ainda na fase inicial da prova, Massa também recebeu ordens para deixar Alonso ultrapassá-lo. A relação de Massa com a torcida brasileira pode ser dividida entre antes e depois daquele episódio.

Ao desacelerar para Alonso ultrapassá-lo a fim de liderar a corrida de Hockenheim Massa caiu em desgraça com parte importante de seus fãs. Quem gosta de Fórmula 1 no Brasil não havia esquecido, ainda, da humilhação experimentada por Rubens Barrichello no GP da Áustria de 2002, quando a metros da linha de chegada freou para Michael Schumacher, seu companheiro de Ferrari da mesma forma, ultrapassá-lo para vencer.

O Massa que se apresentou hoje no primeiro dia de atividades do GP de Bahrein, terceiro do calendário, foi bem diferente do piloto submisso daquela ocasião em Hockenheim. “Coloquei minhas ideias na mesa para a equipe, estou aqui para correr por eles, mas por mim também. A equipe entendeu que foi um erro e concordou que não vai acontecer de novo”, afirmou Massa.

Seu argumento é simples: os dois pilotos da Williams tinham desempenho semelhante no circuito de Sepang e ainda que Bottas o ultrapassasse não haveria como ganhar a sexta colocação de Jenson Button, da McLaren.

“As ordens de equipe fazem parte do nosso esporte, mas quando necessário. E todos aqui são inteligentes para saber quando é necessário e quando não é”, disse Massa. “A equipe reconheceu que foi um erro e eles vão reconhecer publicamente, se já não o fizeram.”

Mais descontraído depois de expor o que se passou a portas fechadas na Williams ainda na Malásia e hoje em Bahrein, Massa deu risada do episódio. “Foram as mesmas palavras [do GP da Alemanha de 2010], deu vontade de rir na hora. Era a segunda corrida [de Massa] na equipe, não esperava ouvir aquilo”, comentou Massa.

Em Hockenhein, seu engenheiro na Ferrari, Rob Smedley, afirmou no rádio: “Felipe, Fernando is faster than you” ou “Felipe, Fernando está mais rápido do que você.” E domingo em Sepang Rod Nelson, chefe da Williams, recorreu exatamente às mesmas palavras, apenas substituindo Alonso por Bottas. Smedley estreia neste fim de semana como engenheiro da Williams.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.