27/02/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Ronda Rousey, sobre as vaias no UFC 168: ‘Prefiro ser a vilã, é mais divertido’

2 min read

A participação de Ronda Rousey no TUF 18 fez cair a popularidade da campeã peso-galo feminino entre os fãs de MMA. O público não gostou do tratamento dado por ela a Miesha Tate, sua rival no reality show, e também no UFC 168 deste sábado. Na pesagem, na luta e na entrevista após derrotar Miesha, Ronda foi vaiada por boa parte dos torcedores presentes na arena. Apesar de toda a hostilidade, ela garante que não se importar. Pelo contrário, parece gostar de tudo o que aconteceu e também usa toda essa torcida contra para aliviar um pouco a pressão sobre si mesma.

– Bem, eu fui a competições de judô em 30 países diferentes e recebi vaias em todos os lugares. Ter aplausos é algo novo para mim, e realmente sinto que ser a boa moça e agir de modo perfeito não deixa espaço para erro. Não quero ter que ficar preso nesse papel perfeito. Prefiro ser a vilã, é mais divertido, é mais interessante. Todo mundo fala sobre o Coringa, não sobre o Batman. Para esta luta, particularmente, ela foi o Duas Caras, e eu fui o Batman. Eu precisava ser um cara mau para Gotham City ter um herói. Eu assumo o papel que é necessário para cada situação, por isso eu vou para cada luta de forma diferente – disse a campeã ao canal americano “Fox Sports”.

 

Fonte: GloboEsporte

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.