22/05/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Brasileiros decidem no fim, Rússia finalmente se vinga da Espanha e vai à final da Eurocopa

2 min read

A espera foi de quase dois anos. No dia 11 de fevereiro de 2012, a Espanha bateu a Rússia por 3 a 1 e conquistou o título da Eurocopa de futsal. Já nesta quinta-feira, finalmente a vingança dos russos chegou. E foi sofrida. Depois de levar um gol nos instantes finais do tempo normal e ver a decisão ir para a prorrogação, a seleção russa venceu por 4 a 3 e avançou à final da competição disputada na Bélgica.

A história entre Rússia e Espanha na modalidade já é antiga. Os russos perderam as decisões de 1996 e 2005 para o rival, enquanto ganharam do mesmo adversário a final de 1999. Já a Espanha, que não fica de fora da decisão desde 2003, é a maior vencedora da competição com seis títulos.

E a vitória desta quinta teve requinte brasileiro. O gol da classificação foi marcado por Robinho, com assistência de Éder Lima. Os dois são naturalizados russos.

A Rússia agora encara a Itália na grande decisão da Euro. O duelo acontece no próximo sábado. No mesmo dia, Portugal e Espanha disputam o terceiro lugar.

O jogo

Depois de bela jogada, aos 16 minutos do primeiro tempo, Raúl Campos driblou o goleiro Gustavo e tocou de calcanhar para Pola completar para as redes.

Já aos dois do segundo tempo, Pereverzev cobrou escanteio, e Sergeev, de fora da área, acertou forte chute, sem chances para o goleiro Rafa.

A virada veio aos seis minutos. Após cruzamento de Robinho, Lyskov completou livre dentro da área para o fundo do gol. Porém, logo na saída de jogo, Rafael Usín fez jogada individual, saiu da marcação e empatou o jogo para os espanhóis. Só que em mais um lance muito rápido, Fukin recuperou a bola para a Rússia, driblou o zagueiro e chutou forte no alto, marcando o terceiro dos russos.

Depois de três gols em apenas um minuto, a partida esfriou um pouco e só voltou a ganhar emoção aos 18 minutos. Miguelín, já como goleiro-linha, encontrou uma brecha na retranca russa e chutou forte de esquerda. A bola passou entre as pernas do goleiro Gustavo para alegria dos espanhóis. Terminado o tempo normal, a decisão foi para a prorrogação.

E foi aí que os brasileiros da seleção russa decidiram. Éder Lima recebeu a bola e tabelou com Robinho. O camisa 10 saiu na cara do gol e tocou na saída de Rafa para colocar os russos na final da competição.

 

Fonte: Espn

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.