03/03/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Eduardo Paes garante que Rio cumprirá todos os prazos para os Jogos Olímpicos

3 min read

DoZigzagdoesporte com agência EFE

Pedro Henrique Torre/ESPN.com.br

Eduardo Paes, prefeito do Rio, em coletiva sobre o Rio 2016
Eduardo Paes, prefeito do Rio, em coletiva sobre o Rio 2016

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, afirmou nesta quinta-feira que a cidade está em condições de entregar nos prazos previstos todas as obras necessárias para os Jogos Olímpicos de 2016, mas ressaltou que o acompanhamento do Comitê Olímpico Internacional (COI) é bem-vindo.

Em entrevista coletiva, Paes considerou exageradas algumas das reivindicações realizadas pelas federações internacionais de diferentes esportes esta semana e que levaram o COI a anunciar medidas para acelerar os trabalhos de preparação das Olimpíadas.

O prefeito declarou que o ritmo das obras está no prazo previsto e que a única preocupação das autoridades brasileiras neste momento é o Parque Olímpico de Deodoro, cuja construção ainda não foi iniciada.

Paes acrescentou que a licitação para contratar as empresas que construirão o complexo esportivo, no qual serão disputadas 11 das modalidades olímpicas, será lançada na próxima semana e que a previsão é que as obras sejam concluídas em um ano.

Em Deodoro serão disputadas modalidades como handebol, rúgbi, pentatlo moderno, tiro, hóquei e ciclismo BMX.

Paes destacou a diferença de tom entre a comissão do COI que visitou recentemente o Rio para inspecionar as obras e as duras críticas das confederações internacionais durante a reunião da Comissão Executiva do organismo olímpico esta semana na cidade turca de Belek.
“O COI esteve aqui recentemente e não vi essa histeria que estamos vendo com as federações internacionais”, disse o prefeito.

As queixas das federações pelo atraso na construção das instalações levaram o COI a anunciar hoje um pacote de medidas destinadas a acelerar os trabalhos de preparação dos Jogos Olímpicos.

Entre as medidas anunciadas pelo presidente do COI, o alemão Thomas Bach, se destaca a exigência que seus “parceiros do Brasil” criem um organismo especial de tomada de decisões, que englobe o comitê organizador e as distintas esferas governamentais.

Igualmente pede a contratação de um administrador local de projetos, “com experiência em construção”, para “monitorar dia a dia o progresso nas distintas sedes e infraestruturas”, e uma maior intensidade nas visitas do COI ao Rio de Janeiro.

Paes disse considerar positiva a decisão do COI de ter uma presença mais frequente na cidade para fiscalizar as obras.

“Vamos ter que ter um acompanhamento muito próximo. Não há o menor risco de não se realizar o evento e de não se concluir as obras. De fato, essa presença do COI é muito positiva e muito bem-vinda. Foi o que eu disse em um telefonema ao presidente Thomas Bach”, concluiu o prefeito.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.