27/02/2024

zigzagdoesporte.com.br

A sua revista eletrônica do esporte

Após derrota em Miami, Federer prevê ascensão de Nishikori no ranking

2 min read

Por ESPN.com.br com agência Gazeta Press.

Reprodução/ESPN

'Quando Nadal ganhou o 1º set, um caminhão caiu nas costas do Federer', analisa Fernando Meligeni
Federer elogiou o japonês Kei Nishikori e previu o adversário no top 10 do ranking em pouco tempo

Com uma ótima campanha na temporada, Roger Federer perdeu a chance de conquistar seu segundo título em 2014 ao ser surpreendido pelo japonês Kei Nishikori, número 21 do mundo. Após a derrota, em jogo válido pelas quartas de final do Masters 1000 de Miami, Federer exaltou a boa partida do adversário e comentou que o japonês não deve demorar a chegar ao top 10 do ranking.

“Eu acho que Kei realmente tem um bom controle de bola. Ele tem grande técnica, especialmente no backhand, swings muito curtos e um trabalho muito bom de timing. Eu prevejo que ele vai ser top 10 em um curto espaço de tempo”, disse Federer.

Depois de vencer o primeiro set com tranquilidade, Federer não conseguiu resistir à reação do oponente e perdeu, de virada, pelo placar final de 3/6, 7/5 e 6/4. O duelo foi o terceiro entre os dois no circuito. Com o resultado, Nishikori passa a ter vantagem de uma vitória no retrospecto de confrontos.

Com um título nesta temporada (ATP 250 de Memphis), o japonês vem fazendo uma boa campanha em Miami e também já deixou para trás o espanhol David Ferrer. Após mais um resultado importante, o nipônico reconheceu que jogou bem e não escondeu sua satisfação de ter vencido o suíço.

“Estou me sentindo bem, é claro, por bater Roger. Eu acho que eu realmente joguei bem, especialmente no terceiro set. Estava tudo acontecendo bem. Tiveram alguns momentos difíceis, mas eu estava lutando por isso e estou feliz por ganhar hoje”, disse Nishikori.

Para buscar uma vaga na final, o japonês terá que enfrentar o terceiro tenista do top 5 do ranking em sua trajetória no torneio. O adversário desta vez é Novak Djokovic, com quem o 21º colocado do ranking soma uma vitória e uma derrota. Na última vez que os dois se encontraram, na semifinal do ATP 500 da Basileia, em 2011, Nishikori também venceu de virada, com direito a pneu no terceiro set.

“Ele está jogando bem, sem dúvidas. Eu joguei contra ele muito tempo atrás, talvez há três ou quatro anos na Basileia, e eu o venci, então espero que eu possa jogar bem como joguei hoje”, concluiu o japonês, comentando sobre o confronto contra Djoko.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.